A minha história com a Austrália é longa, tão longa que daria para escrever um livro. Vim para a Austrália para estudar por 6 meses e mais de 10 anos depois continuo por aqui. Tenho certeza que assim como eu, você também vai se apaixonar por esse lugar maravilhoso! O porque? Vai lendo.

A Austrália é um país de beleza espetacular mundialmente conhecido por paisagens extraordinárias, cidades vibrantes e praias lindas.

Por: Larissa @hellolarissa

A Austrália também é, literalmente, o país dos sonhos das lendas sagradas dos Aborígenes, os primeiro habitantes da região e guardiões tradicionais das terras Australianas. Também conhecida como “the Land Down Under” por causa de sua localização geográfica, a Austrália tem uma grande diversidade natural e cultural com aproximadamente 22 milhões de habitantes, mais ou menos o mesmo tanto que a Região Metropolitana de São Paulo.

Com tantas opções e beleza para explorar fica complicado escolher um itinerário e decidir onde visitar. Então, pensando em você, entrei em contato com meus amigos Aussies (Australianos da gema) e juntos desenvolvemos essa lista dos 10 pontos turísticos que você definitivamente deve conhecer quando estiver “down under“.

1. Sydney Opera House – New South Wales

Localizado no Ponto Bennelong na Baía de Sydney, o Opera House é uma das mais famosas e distintas maravilhas arquitetônicas do século 20. Projetado e construído pelo arquiteto Dinamarquês Jørn Utzon, o Opera House com toda sua grandiosidade e geometria teve como inspiração a natureza, suas cores, funções e formas. Sempre visito o Opera House no fim da tarde tendo em vista o pôr do sol maravilhoso da Baía de Sydney que acaba ficando muito melhor quando acompanhado de coquetéis no Opera Bar. Lembre-se que é possível fazer um tour guiado dentro do Opera House, o que possibilita ver de perto a deslumbrante arquitetura interior do lugar. Os valores dos tours variam, começando em torno de $60 reais. Também vale adicionar ao roteiro o Royal Botanic Gardens, já que fica localizado bem juntinho ao Opera House.

passeios na australia

Opera House – Foto: Bruno Tavares

2. Sydney Harbour Bridge – New South Wales

Assim como o Opera House, a Sydney Harbour Bridge é um dos maiores ícones de Sydney e é a maior (não é a mais longa) ponte de arco feita aço no mundo. Completada em 1932, a ponte atravessa a Baía de Sydney e contem mais de 6 milhões de rebites feitos a mão (A MÃO!!!). As lendas de sua construção fascinam Sydneysiders (locais de Sydney) e pessoas do mundo inteiro. A ponte pode ser apreciada e explorada de varias formas. Um dos mais populares passeios é a BridgeClimb Sydney que permite ao visitante escalar a ponte ate o topo através de suas escadas laterais, o passeio fica entre $350 e $800 reais dependendo do dia e hora da escalada. Uma opção mais em conta é ver a ponte da Baía de Sydney perto do Opera House e atravessar a ponte a pé.

passeios australia

Flickr: Danijel-James Wynyard Seguir

3. Bondi to Coogee Walk – New South Wales

A famosa trilha (ou caminhada) de Bondi para Coogee estende-se por 6 quilômetros ao longo da costa rochosa dos subúrbios ao leste de Sydney, com vista praticamente ininterrupta ao Oceano Pacífico. A trilha é dividida em 6 partes, cada uma com vistas espetaculares e praias maravilhosas. Além das praias, a trilha também passa por varias piscinas naturais, parques, cafés e restaurantes. A trilha pode ser acessada através de Bondi ou Coogee, então porque não começar em Coogee e deixar a melhor praia por ultimo? Recomendo levar um boné, água, vestir roupas e calcados confortais e passar bastante protetor solar.

Flicker: Daniel Lerps

4. Melbourne

Victoria Melbourne é a capital do estado de Victoria e é a segunda cidade mais populosa da Austrália. A cidade que foi, pelo sexto ano consecutivo, eleita a melhor do mundo para se viver é conhecida pelo seu vasto e diverso comercio assim como seus restaurantes, bares e ótima vidas noturna. Coloque os seus sapatos mais confortáveis e aproveite o dia explorando as famosas Laneways da cidade começando na Flinders Station, passando pela Degraves rumo a Little Bourke Street. A melhor forma de acessar Melbourne é de avião, já que o centro da cidade fica a mais ou menos 30 minutos do aeroporto.

passeios austrália

Flickr: Peter Mackey

5. The Great Ocean Road – Victoria

Todo destino turístico tem uma estrada maravilhosa, e na Austrália essa estrada é a Great Ocean Road. A estrada que tem mais de 400 quilômetros é localizada no sudoeste da Austrália ao longo do Oceano Antártico e conecta as cidades de Torquay e Allansford. Ao longo da estrada vale a pena conferir os Twelve Apostles (Doze Apóstolos), uma coleção de rochas gigantes de calcário que se formaram por causa da erosão das cavernas da região devido ao vento extremamente forte que vem do Oceano Antártico. Hoje em dia somente 8 das originais 12 rochas podem ser vistas já que as demais foram, literalmente, levadas pelo vento. No trajeto também vale a pena conferir a Bells Beach, mundialmente conhecida por suas ondas. A Great Ocean Road fica a 90 minutos de Melbourne e a forma mais fácil de acessar a estrada é juntando se a um tour em Melbourne ou fazendo o trajeto com carro alugado.

12 Apóstolos – Foto: Bruno Tavares

6. Great Barrier Reef – Queensland

A Grande Barreira de Corais da Austrália é a maior do mundo, patrimônio mundial da humanidade e uma das sete maravilhas do mundo. De beleza extraordinária fica fácil entender porque o lugar é o destino mundial favorito de mergulhadores e apreciadores do oceano. A melhor forma de acesso à barreira é através de Cairns, e de lá juntando-se a um tour ou cruzeiro. Também é possível acessar a barreira saindo de outras cidades como Port Douglas, mas sempre dou preferência a Cairns, já que de lá fica fácil acessar outros dois destinos lindos, a Floresta de Daintree e a Esplanada de Cairns.

Flickr: FarbenfroheWunderwelt

7. Whitsunday Islands – Queensland

As Ilhas de Whitsunday são uma coleção de 74 ilhas de areia branca e água azul cristalina localizadas no meio da Great Barrier Reef. Das 74 ilhas, 70 são parques nacionais inabitados e somente 4 são ocupadas e oferecem acomodação. Das inúmeras ilhas secretas e baias, com certeza Whiteheaven Beach é a praia mais linda da região. Com mais de 7 quilômetros, a praia tem a areia mais branca do mundo e ja ganhou diversos prêmios por sua beleza e condição prístina. Poderia escrever por horas sobre Whitsunday Islands, mas a verdade é que palavras não conseguem descrever a beleza deslumbrante desse paraíso que tem que ser conferido pessoalmente. A melhor forma de acesso a esse lugar paradisíaco é um voo até um dos dois aeroportos em Whitsundays, de carro através da Bruce Highway ou fazendo parte de um tour.

Flickr: dany13

8. Urulu – Northern Territory

Localizado no Parque Nacional de Uluru-Kata Tjuta, o Urulu (também conhecido como Ayers Rock) é um dos maiores monólitos do mundo, com 318 metros de altura, quase 10 quilômetros de circunferência, estendendo-se em mais de 2,5 quilômetros de profundidade no solo. O local, que é sagrado para os Aborígenes Australianos, é bastante conhecido devido às suas mudanças dramáticas de cor durante o ano e até mesmo ao decorrer de um dia. Característico pela sua cor vermelha, o Urulu torna-se azul, roxo e vermelho durante o pôr do sol. A melhor e mais conveniente forma de acesso ao Urulu é um voo até o local. Se você estiver animado e disposto a aventura recomendo muito um voo até Alice Springs e depois dirigir até Urulu, o cenário do trajeto é simplesmente extraordinário. Fique pelo menos dois dias em Urulu para poder vivenciar toda a beleza do local, do nascer ao pôr do sol.

Flickr: Ted Wemwemwem

9. Kakadu National Park – Northern Territory

O Parque Nacional de Kakadu é patrimônio mundial da humanidade e o maior parque nacional da Austrália, com quase 20,000 quilômetros quadrados. Mais da metade do parque é de propriedade Aborígene, já que os mesmo são os guardiões tradicionais das terras Australianas e vivem na região a mais de 50,000 mil anos. Em Kakadu você vai encontrar mais de 2000 espécies de plantas, 280 espécies de pássaros e inúmeras pinturas históricas Aborígenes, a mais antiga feita 20,000 anos atras. O Parque Nacional de Kakadu é um lugar mágico e cheio de história, com certeza um dos lugares mais especiais da Austrália. O melhor meio de acesso ao parque é saindo de Darwin ou Katherine, seja em um tour ou alugando um carro. A viagem é em área remota e demora mais ou menos 3 horas, então é preciso planejar bem.

Flickr: Travolution360

10. Barossa Valley – South Australia

O Vale Barossa é a maior região vinícola da Austrália e uma das mais antigas do mundo. A mais ou menos 70 quilômetros de Adelaide, no sul da Austrália, o Barossa é casa dos famosos vinhos Penfolds, Jacob’s Creek e Wolf Blass. Ocupada por Alemães durante o século 19, partes da região foram construídas no mesmo estilo usado por centenas de anos nas colônias leste Alemãs sendo fácil encontrar bastante casas de pedra e igrejas Luteranas. A melhor forma de acesso ao vale é saindo de Adelaide com tour ou alugando um carro. Ja no Barossa, recomendo um passeio de bicicleta pelas lindas vinícolas da região.

Flickr: Stephen Michael Barnett

Bom… esses são dos 10 pontos turísticos que você não pode perder, mas considero esses destinos 10 razões para se apaixonar pela Austrália. Gostou das dicas ou gostaria de mais recomendações para passeios na Austrália?

Deixe seu comentário aqui no post ou visite o perfil da @hellolarissa no insta!”