Todo mundo vai querer sentar na janelinha nesse voo. 130 passageiros a bordo de um Boeing 767 saem da Nova Zelândia rumo ao Polo Sul para assistir ao fenômeno, e voltar para a cidade de origem. 

Você já imaginou assistir o fenômeno da Aurora Austral de dentro de um avião e apreciar por mais de 4 horas o espetáculo? Agora isso é possível, ou quase. Uma empresa da Nova Zelândia fez o primeiro voo comercial que sai da ilha sul do país, no aeroporto de Dunedin. Ele voa até a latitude 62 sul (em direção ao Polo Sul), fica 4 horas sobrevoando o espetáculo e volta para a mesma cidade.

130 passageiros embarcaram nessa aventura, que teve os ingressos esgotados. A viagem dura 8 horas, sai à noite e volta a tempo do café-da-manhã. Os passageiros do voo marcaram as fotos e vídeos com a hashtag #flighttothelights .

Confira o vídeo e fotos do primeiro voo para ver a Aurora Austral: 

voo comercial para ver a Aurora Austral voo comercial para ver a Aurora Boreal

Se você se animou com o voo comercial para ver a Aurora Austral, é preciso economizar um pouquinho. Na classe econômica, os bilhetes começam a cerca de R$ 8,8 mil. Já na executiva, vão para o valor de R$ 17,6 mil.

As Auroras são um dos espetáculos mais incríveis do planeta. Elas só podem ser vistas em regiões de alta latitude, como no Ártico, Islândia, Canadá, ou ao sul, como a Antártica.

E você? Gostou da novidade de um voo comercial para ver a Aurora Austral? Comente aqui!

 

Veja mais:

Ikon Pass dá acesso à diversos destinos de neve em uma única viagem

Dicas de Seguro Saúde Internacional para turistas e estudantes