Tive o privilegio de descobrir e passar dias aprazíveis na Casa Marques. Vou mostrar e contar mais sobre o hotel. Deguste o post sem pressa. Acredito que você vai querer se teletransportar para lá antes mesmo de terminar a leitura dessa página muito bem ilustrada com as fotos lindas feitas por Diego Imai.

Hotéis de luxo possuem por princípio o delicado desafio de surpreender seus hóspedes, os deixando à vontade, como se estivessem em casa, com doses extras de cuidado e encantos. Hospitalidade é saber receber e isso encontrei no Hotel Casa Marques.

Jeannine Marques Crepon, o faz muito bem em seu hotel boutique Casa Marques, uma pérola escondida estrategicamente no alto de Santa Teresa, no Rio de Janeiro.

Casa Marques
A linda fachada do casarão do Hotel Boutique Casa Marques – Foto: Diego Imai

Eu sou carioca e assim como muitos outros conterrâneos, conheço pouco o bairro de Santa Teresa. A região fica na zona central da cidade, coladinha em vários bairros da zona sul como Laranjeiras e Cosme Velho e o próprio Centro, além de também ter acessos pela Glória e Lapa.

É um bairro montanhoso, cheio de identidade, histórias, segredos, peculiaridades, vistas privilegiadas da cidade maravilhosa e hotéis charmosos. Por ser curioso, morar em Paris e amar hotéis de luxo sempre que venho ao Brasil me hospedo em um hotel diferente para viver uma
nova experiência.

Como tudo começou…

Eu adoro hotéis boutique, principalmente os criados e administrados por famílias. A Casa Marques, foi concebida por Jeannine e o francês Louis Harang.

Inaugurado há 3 anos, o hotel é um refúgio requintado com um toque familiar. Jeannine está sempre passando pelas áreas comuns conferindo tudo e fazendo questão de nos fazer sentirmos em casa. Quem também circula exalando simpatia é sua mãe e o adorável Pingo, o pet da Casa.

Hotel Casa Marques
O cachorrinho Pingo – anfitrião mais lindo do hotel

A veia artística é um dos motes e diferenciais do hotel. São muitas obras de arte de artistas contemporâneos entre quadros, murais, objetos e móveis de renome.

Curadoria artsy aguda, que cria ambientes singulares e aconchegantes. Essa é uma das essências do hotel que Jeannine planejou direitinho após uma temporada vivendo e estudando na França.

A escolha por Santa Teresa também tem caráter pessoal. Foi nesse bairro que a jovem designer, empresária hoteleira, carioca viveu durante a infância. Memória afetiva. Nada é por acaso…

Check in no Hotel Casa Marques

Cheguei um pouco antes do horário programado (14h) e imediatamente começamos o procedimento da check in (reserva, documentos, apresentações…)

O Marc, um francês que reside no Rio e trabalha no hotel, nos recebeu com a cordialidade à la française e fez o nosso welcome. Enquanto esperava, me refrescava com água aromatizada que fica no salão ao lado da recepção e observava as obras de arte da entrada.

Por sorte e gentileza, o quarto estava pronto antes do horário, e logo fui acompanhado até a boa suíte que fiquei hospedado.

faixada do hotel boutique casa marques
Cada canto, um clique! Foto: Diego Imai
Entrada do hotel
Foto: Diego Imai

O quarto no Hotel Casa Marques

O hotel conta com 12 quartos aconchegantes. Os hóspedes podem escolher entre algumas categorias, entre as opções estão acomodações com ou sem vista UAU para o Pão de Açúcar e a nossa Baía da Guanabara, e com ou sem varanda.

Em geral, as acomodações são bem espaçosas e variam entre 20 e 40 metros quadrados. Fiquei em uma suíte com um janelão de vidro que ganha status de quadro cartão postal da cidade para ser admirado da cama king extremamente confortável com lençóis e travesseiros branquinhos e fofos, daqueles capazes de fazer seu sonho ser mais profundo e gostoso. #Roomwithaview

Na minha percepção eu diria que a decoração que é um clássico-minimal com toque industrial-artsy. Pluralidade harmoniosa que faz bem aos olhos.
Todos os quartos são equipados com frigobar, TV tela plana, wi-fi, ar condicionado, armário, cofre e telefone.

No banheiro, um chuveirão maravilhoso e amenities de uma das melhores marcas de cosméticos e beauté do mundo, a brasileira Natura. As toalhas do quarto e da piscina são da Trousseau. Chic.

CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS SOBRE O HOTEL! ENCONTRE OS MELHORES PREÇOS AQUI E FAÇA SUA RESERVA NO BOOKING.COM

vista do quarto
#Roomwithaview – Foto: Diego Imai

Facilidades e Áreas comum do Casa Marques

O hotel Casa Marques fica praticamente dentro de uma mata. O som das árvores e dos passarinhos são atrações naturais, que agradam muito e possuem valor inestimável.

O clima pelo hotel, seja no pátio da entrada, na sala, no salão de café da manhã ou na cobertura é de tranquilidade. O protagonismo está no rooftop que conta com uma piscina de borda infinita que se une à linda vista da Baía de Guanabara e Cristo Redentor.

Você se depara e se insere em um cenário único perfeito para aproveitar o clima do Rio de Janeiro, numa atmosfera agradável e exclusiva, em contato com a natureza.

Aproveitei muito a área da piscina e também a sala de estar – cheia de revistas e livros. Um dos que estavam na estante e li durante a estadia se chama Clarissa, obra de Erico Veríssimo. Dica extra valiosa pra vocês.

relax no hotel casa marques
Sunset time no rooftop do Casa Marques – Foto: Diego Imai
piscina no hotel casa marques
“Piscininha” com esse visual – Foto: Diego Imai

Café da manhã no Hotel Casa Marques

Café da manhã com opções de frutas docinhas cortadas milimetricamente iguais, pães, bolos, diferentes tipos de queijos e presuntos, incluindo especialidades francesas, bien sûr!

Bebidas: café, vários tipo de chás Twinings of London, leite e sucos naturais. Além do buffet, servido até às 10:30h, existem opções à lá carte. Você pode escolher ovos como desejar (omelete, mexidos, fritos), sanduíches e tapiocas.

Experimentei tapioca de queijo branco, presunto, tomate e orégano e também um misto quente com cogumelos no pão brioche. Delícias feitas na hora à gosto do hóspede.

Curiosidades…

Patrimônio cultural – o casarão de estilo colonial data do século XX, foi residência de Bi Ribeiro, baixista de Os Paralamas do Sucesso. Mais um herança do local que exala arte. Jeannine me contou que foram mais de 2 anos de obra preservando a fachada, a escadaria de madeira original e criando o prédio anexo onde ficam a maioria das suítes e a cobertura com a piscina. Me fizeram pensar nos Paralamas cantando: “E a cidade que tem braços abertos num cartão postal…”

Como se estivesse em casa – O hotel oferece serviço de restaurante até as 15h, já o bar da piscina funciona até a noite. Você pode pedir e comer poolside comidinhas como saladas e sanduíches ou se preferir sentar para fazer a refeição no salão principal onde é servido o café da manhã. O clima “você está em casa” é reforçado pela disponibilidade e recomendação de restaurantes que fazem delivery depois que a cozinha fecha.

Ou seja, no jantar ou em outro momento, se você não quiser sair do hotel, o pessoal vai preparar a mesa e indicar restaurantes que fazem entrega no hotel. É escolher, receber e degustar. Facilidade.

Celeiro de Artistas – O hotel é cheio de obras de arte e peças de design de nomes consagrados como Sérgio Rodrigues, Jader Almeida e de artistas to keep an eye on como Toz e Antônio Bokel (adoro!).

  • obras de arte no hotel
  • obras de arte no hotel
  • obras de arte no hotel

Praticamente cada canto do hotel é uma fonte de aprendizado e tela para apreciação. O que eu achei muito bacana é que essa coleção foi garimpada pelos donos do hotel. É um pedacinho do gosto e da alma dos empresários e dos artistas estampada pelos cantos e quarto. Hospedaria cultural.

Localização e distância de alguns pontos turísticos

  • Escadaria Selarón – aproximadamente 4 Km
  • Teatro Municipal – aproximadamente 6 Km
  • Estádio Maracanã – aproximadamente 6 Km
  • Lagoa Rodrigo de Freitas – aproximadamente 6 Km
  • Cristo Redentor – aproximadamente 7 Km
  • Aeroporto Santos Dumont – aproximadamente 7 Km
  • Jardim Botânico – aproximadamente 8 Km
  • Escadaria Selarón – aproximadamente 4 Km
  • Teatro Municipal – aproximadamente 6 Km
  • Estádio Maracanã – aproximadamente 6 Km
  • Lagoa Rodrigo de Freitas – aproximadamente 6 Km
  • Cristo Redentor – aproximadamente 7 Km
  • Aeroporto Santos Dumont – aproximadamente 7 Km
  • Jardim Botânico – aproximadamente 8 Km
O hotel é ideal para casais e pra um relax – Foto: Diego Imai

O que fazer no Rio de Janeiro durante a estadia no Casa Marques

Casa Roberto Marinho e Café Metiers:

O Instituto Casa Roberto Marinho é o mais novo centro cultural do Rio. Localizado no bairro de Cosme Velo, aos pés da Casa Marques, o espaço funciona como um museu onde o público aprecia mais de mil obras que pertencem ao acervo da família Marinho.

Termine ou comece a visita no Café Metiers que fica no jardim. Esse é um dos novos points gourmet com opções deliciosas tanto para brunch como para lanches da tarde. Um dos café- especialidades é o cookie-shot – expresso servido num cookie. Bom demais!

cookie-shot do café metiers
A especialidade da casa o cookie-shot – Foto: divulgação

Lapa

Bairro da boêmia carioca, a região é um caldeirão de cultura e entretenimento. Você pode visitar as galerias, casas, e centros culturais pelo dia e a noite cair na farra entre os incontáveis bares, casas de samba e shows que rolam quase diariamente. Combinação clássica: cervejinha na rua e festa/show no Circo Voador.

Bar do Mineiro

Famoso bar simples em Santa Teresa. O Bar do Mineiro tem cervejas geladas, caipirinhas caprichadas, pasteizinhos viciantes e uma mistura curiosa de gringos e cariocas descolados que vira-e-mexe dão uma passadinha por lá.

Passear de Bondinho

Meio de transporte de outrora que continua a servir os moradores e visitantes da região. O bondinho circula por praticamente toda a área de Santa (para os íntimos rs) . Cada curva, uma surpresa. Seja muros pintados com street art, vistas de tirar o fôlego, cenas encantadoras da natureza.

Vale apreciar tudo, inclusive a arquitetura do bairro, que mesmo sendo em muitos casos detonada… é plural e muito linda. Decadence avec elegance!

bar do mineiro, o que fazer na casa marques
Sempre cheio com um clima simples, o Bar do Mineiro.

Parque das Ruínas

Falando em natureza e arquitetura…o Parque das Ruínas é uma outra dica
de passeio. Se trata de um terreno de um casarão antigo que hoje, um pouco mais recuperado, virou espaço para exposições, eventos e festas.

O visual vale a pena e ao lado você encontra o Museu Chácara do Céu. Dobradinha interessante.

Preços do Hotel Casa Marques

Os preços das diárias, como em quase todos os hotéis, variam de acordo com período, categoria e data da reserva. Pesquisando algumas datas cheguei a encontrar tarifa especial de 528 reais para o casal com café da manhã em quarto standard. Vale muito a pena!

E aí, já sabe onde ficar e o que fazer em Santa Teresa? Eu já estou querendo voltar já para a Casa Marques.

CLIQUE AQUI E FAÇA SUA RESERVA DO HOTEL AQUI! NÃO PERCA OS MELHORES PREÇOS NO BOOKING.COM

Encontre mais promoções de hotéis no Rio de Janeiro aqui!

Booking.com

Leia mais

Pedra do Telégrafo no Rio de Janeiro

O que fazer no Rio de Janeiro: os melhores sambas, feijoadas e praias

Sete lugares para visitar no Rio de Janeiro que valem a pena colocar no roteiro 

O que fazer no Rio na visão de 4 cariocas! 

Viagem de ônibus São Paulo – Rio de Janeiro: 5 dicas para viajar melhor