Saint Martin – ou Saint Maarten – é a menor ilha do mundo localizada ao lado da América Central, a 240 km de Porto Rico. Ainda que se situe na região caribenha, seu território é compartilhado – e governado – por dois países. De um lado (na porção sul da ilha) fica Philipsburg, capital do lado holandês; do outro (na parte norte) está Marigot, capital do lado francês.

Não há fronteiras ou alfândegas dividindo os países, só placas de sinalização. Saint Martin é conhecido mundialmente pelo Aeroporto Internacional Princesa Juliana (SXM), que já recebeu o título de pista com o pouso mais impressionante do mundo. Isso porque, durante as aproximações para pouso, os aviões passam por cima da Praia Maho e fica a exatos 10 metros dos banhistas.

cupecoy beach saint martin

Cupecoy Beach

Quando ir

O clima tropical da ilha é agradável durante o ano todo. De agosto a novembro, a região está mais propensa a receber fortes chuvas. A boa notícia é que os ventos fortes e ciclones que costumam atingir o Caribe nessa época do ano são raríssimos em Saint Martin. Visitei a ilha no mês de outubro e só peguei dias ensolarados. O ponto negativo da minha visita foi que muitos estabelecimentos estavam fechados, por ser baixa temporada. Se você é do tipo que prefere conferir toda a agitação bem de perto, opte pela alta temporada, que é entre os meses de dezembro e abril. Mas lembre-se: apesar de encontrar tudo aberto, os preços também tendem a aumentar. #leidaofertaedemanda

Como se locomover

A ilha tem apenas 87km2, o que torna a locomoção entre as 37 praias locais uma tarefa relativamente fácil. No entanto, não conte com o transporte público. O ideal é alugar um carro logo na chegada, no aeroporto. Para se ter uma ideia do tamanho de Saint Martin, é possível dar uma volta de carro na ilha inteira em cerca de duas horas e meia. Com relação ao aluguel, depois de muito negociar, o melhor preço que consegui foi com a empresa Safari Car Rental – cerca de US$ 18 por dia.

Dica: para alugar o carro não precisa de habilitação internacional, basta mostrar o documento oficial brasileiro.

Quanto levar

Para os dez dias que fiquei na ilha, levei US$ 1.000, que foram gastos com hospedagem, alimentação e transporte. Como fui com duas amigas, os custos acabaram sendo divididos por três.

Saí do Brasil com um apartamento alugado para os cinco primeiros dias. Chegando lá, conheci uma senhora e encontrei um outro imóvel ainda mais barato para alugar. No total, a hospedagem para os dez dias custou US$ 650. Com relação à alimentação, consegui cozinhar algumas vezes no apartamento, mas também saí para comer fora em alguns dias, quando o gasto médio foi de US$ 30 por refeição – considerando restaurantes de nível bom.

Moeda

Na porção holandesa da ilha, a moeda é o dólar; já no lado francês, o euro. No entanto, o dólar é aceito em toda a ilha.

Bares e baladas

Pertinho da Maho Beach e em frente ao cassino está o bar 3 Amigos e eu estive por lá quase todas as noites. Sempre com uma promoção diferente, o local é perfeito para um happy hour ou para o esquenta de quem quer curtir as baladas da região.

Aliás, uma das opções de balada da ilha fica exatamente do outro lado da rua do 3 Amigos. A Tantra Nightclub é bastante conhecida e cada dia da semana tem um tema diferente, desde hip hop até black music.

O bar mais famoso de Saint Martin, porém, é o Sunsetbar, que fica no canto da Maho Beach e é um ótimo lugar para tomar uma cerveja caribenha enquanto aprecia o pôr do sol e os aviões aterrizando. Dica: quem fizer topless ganha um drink de graça #quemtopa

Outra balada interessante é o Waikiki, localizado na Baie Oriental, no lado francês. Point de europeus descolados, tem clima família de dia e, à noite, vira inferninho.

Lugares imperdíveis

David’s Hole

O local é um literalmente um buraco formado pelo colapso natural do teto de uma antiga caverna ligada ao mar. Conheci esse lugar por indicação de um nativo que conheci em Saint Martin e é simplesmente fantástico. Pouco frequentado por turistas, foi uma das paisagens mais interessante que vi na ilha. A entrada fica perto da praia Baie Rouge, no lado francês da ilha e eu recomendo muito uma parada por lá.

davids hole saint martin porto rico

Cupecoy Beach

Com diversas grutas e cavernas, é um ótimo lugar para apreciar o pôr do sol. Localizada no lado holandês da ilha, a praia fica em frente ao shopping Blue Mall. Para acessá-la, é preciso caminhar por uma pequena trilha até chegar na parte das falésias. A praia é pequena e praticamente sem estrutura de bares. O mar não é tão bom para banho, mas vale a visita para apreciar o fim da tarde, pois a paisagem é muito bonita. Atenção: não se assuste se encontrar algumas pessoas praticando nudismo. Nesta praia, é algo comum. #mandemnudes

cupecoy beach saint martin porto rico

Baie Longue (Long Beach) – La Samanna

Essa foi provavelmente a praia mais bonita que visitei na ilha. A água é super cristalina e uma das pontas é formada por um paredão, deixando a paisagem ainda mais incrível. Para os aventureiros de plantão, é possível pular lá de cima. Mas o local não é muito bem sinalizado. Eu só soube que dava para pular, porque conheci a praia acompanhado de um nativo. #insider

No paredão que compõe a paisagem da praia, tem uma corda sinalizando onde você precisa começar a subir nas pedras.

long bay beach saint martin porto rico

long bay beach saint martin porto rico

Localizada dentro de um condomínio gigante do lado francês da ilha, Baie Longue não tem bares ou restaurantes e o único local para comer na área é o hotel Belmond La Samanna – um dos melhores hotéis da ilha. Quando fui, o hotel estava em reforma. Então, o mais indicado é passar em um mercado e levar o que for consumir durante o dia.

Maho Beach

maho beach saint martin porto rico

É a praia mais famosa da ilha e é por causa dela que muitos turistas optam por visitar Saint Martin. É lá que fica a cabeceira da pista do Aeroporto Princesa Juliana e, além de ver os aviões pousando, a praia é uma ótima opção para pegar sol e aproveitar um bar no fim de tarde. No mais famoso bar da área, o Sunset Bar & Grill, tem uma prancha de surf com os horários de chegada de todos os voos do dia. Infelizmente, ainda não existem voos diretos Brasil x Saint Martin – a maioria faz conexão no Panamá.

maho beach saint martin porto rico

Mullet Bay

Praia tranquila, com fácil acesso e mar calmo e cristalino – perfeita para curtir com a família e as crianças. Queridinha dos muitos turistas que visitam a ilha, a praia oferece um pouco mais de infraestrutura do que Baie Loungue: dois barzinhos e espreguiçadeiras que podem ser alugadas por cerca de US$ 10.

mullet bay saint martin

Outras opções de praias

Ainda na parte francesa de Saint Martin, não deixe de conhecer Orient Bay, Nettle Bay, Grand Case Beach e Anse Marcel.