Em outubro de 2013 ganhei um presente do meu namorado que me fez aprender a enxergar sem usar os olhos. Era meu aniversário e ele me disse que a gente estava indo dar uma volta, mas não me disse pra onde estávamos indo.

dans le noir

Dans Le Noir – Dinner in the dark

Leia Mais:

O que fazer em Londres em 3 dias 

Como se locomover em Paris

Os 10 cinemas mais incríveis do mundo

Chegamos no destino e tivemos que deixar as nossas coisas em um armário trancado, inclusive os celulares. Uma moça com um caderninho na mão veio e perguntou pra gente se tínhamos alguma restrição com relação à comida, fez as devidas anotações e nos deixou na sala de espera. A sala tinha apenas um armário com cadeados e um barman fazendo drinks. Eu ainda nao tinha a MÍNIMA ideia do que estaria me esperando do outro lado da cortina preta que separava os ambientes.

Quando chegou a nossa vez de entrar, um rapaz cego vestido como um garçom chegou para nos buscar e nos guiar até a nossa mesa. Já do outro lado da cortina, a primeira sensação que tive foi de desespero. Não havia nenhum tipo de iluminação e eu ainda não sabia direito o que estava acontecendo. Ouvia as pessoas conversando normalmente, barulho de talheres, mas não conseguia ter noção de quantas pessoas estavam ali ou do tamanho do lugar. Assim que sentamos, o garçom que foi o nosso guia colocou uma jarra de água na mesa para que a gente mesmo se servisse. Foi aí que caiu a ficha! Me dei conta que passaria o jantar inteiro no escuro, explorando os meus outros sentidos intensamente, como se eu fosse mesmo cega.

dans le noir

Dans Le Noir – Dinner in the dark

Experimentamos diversos pratos e tentamos identificar  o que estávamos comendo. Acertamos na mosca algumas vezes e erramos feio em outras, só no final nos contaram o que havíamos comido e bebido. O menu é super exótico e comi coisas que nunca imaginei um dia comer, mas não vou estragar a surpresa caso vocês resolvam conferir o lugar.

É muito interessante como a gente “ignora” certas situações até passarmos por elas, mesmo as mais simples como comer!

Eu fui no restaurante de Londres, mas eles também estão em Paris, Barcelona e São Petersburgo.

Mais informações:

www.danslenoir.com

E vocês, já passaram por alguma experiência onde tiveram que usar algum dos sentidos de uma forma intensa?

Você sabia que é obrigatório fazer um seguro em viagens à Londres?

Se você estava pensando em viajar sem um seguro viagem para a Europa, saiba que isso pode se tornar um problema na hora da imigração. Então é bom anotar uma dica importantíssima para quem está planejando a viagem para lá: O Seguro Viagem para qualquer destino da Europa é obrigatório.

O motivo? É o Tratado de Schengen, que estabelece a livre circulação e obrigatoriedade do seguro viagem em 26 países europeus. Já que nos planejamos tanto para as férias, criamos expectativas, investimos dinheiro, não vale a pena arriscar qualquer contratempo que pode estragar tudo isso. Você pode conferir as histórias de nossos colunistas que contam o por que vale a pena contratar um seguro viagem.

Para encontrar boas ofertas em seguro viagem, nós recomendamos o site Seguros Promo. Ele compara os preços e coberturas das principais seguradoras do mundo, como SulAmerica, Assist Card, GTA, Affinity, entre outras. Por lá, você pode conferir as apólices que mais tem a ver com a sua viagem e contratar a que você achar melhor.

Como a gente gosta bastante dessa ferramenta, nós conseguimos um desconto de 5% no Seguros Promo para nossos leitores!  É só usar o cupom DICASDEVIAGEM5 no site, clicando aqui.