Rabat foi a segunda cidade que visitei no Marrocos. Fica localizada na beira do Atlântico, é considerada uma das cidades imperiais do país e é atual capital. Logo de início já deu para perceber que a cidade é mais organizada e bonita do que Casablanca. O ideal é passar dois dias na cidade.

o que fazer em rabat

o que fazer em rabat

Um dos passeios imperdíveis na cidade é conhecer a fortaleza Kasbah of Oudayas, ela foi construída no século XII para proteger a cidade dos invasores. De dentro da fortaleza consegue se ver uma bela vista para o mar e também para a cidade vizinha, Salé. Não precisa de guia para conhecer a fortaleza, basta entrar pela porta “Bab Oudaia“.

Outro lugar lindo é a Mesquita inacabada de Rabat, foi construída no século XII, tem 354 colunas que representam o número de dias do calendário muçulmanos. A idéia da mesquita era para ser a maior do mundo, mas a construção foi abandonada em 1199. Fiquei mais ou menos uma hora e meia passeando pela mesquita, dentro dela tem o Mausoleum (santuário) onde está o rei Mohamed V.

o que fazer em rabat

mesquita inacabada de rabat

Um passeio que eu fiz por conta própria e super vale a pena, antes de anoitecer pegar um dos barquinhos na beira do rio e atravessar para a cidade de Salé, de lá caminhar até a beira do mar para apreciar o pôr-do-sol.

o que fazer em rabat

passeio de barco

Onde ficar:

Hotel La Tour Hassan que na minha opinião, foi um dos melhores hotéis que eu fiquei durante a viagem do Marrocos. A localização é de fácil acesso para os pontos turísticos da cidade. Dentro do hotel têm 3 restaurantes que servem cozinha gourmet e marroquina tradicional.