Basel ou Basileia é conhecida como a capital cultural da Suíça, repleta de museus, galerias de artes e teatros. Se você colocou esse destino no seu roteiro de viagem, esse guia vai te contar o que fazer para curtir ao máximo sua passagem por Basel. Confira!

Basel, ou Basileia, é uma cidade multicultural, alegre e inovadora, é conhecida por ser a capital da cultura da Suíça. Uma das marcas da cidade é o fato da indústria química e farmacêutica ser enorme por lá. Gigantes como a La-Roche tem a sede principal em Basel. E, além disso, a cidade tem diversas atrações incríveis e, nesse guia, vamos indicar o que fazer Basel para que você garanta dias incríveis na viagem.

A cidade está localizada na tríplice fronteira entre Alemanha, Suíça e França, com fácil acesso para a Floresta Negra e a Alsácia. Para chegar lá, saia de Zurique de trem e, em menos de uma hora de viagem, estará na estação central de Basel. 😉

Quer saber mais sobre esse destino? Confira abaixo o que fazer em Basel, conheça as principais atrações e monte o seu roteiro de viagem. Vem com a gente! 😄

Principais pontos turísticos em Basel

Montamos uma seleção com os pontos turísticos em Basel mais espetaculares. As atrações vão desde parques até museus, e agradam todo tipo de público, das crianças até os adultos.

  1. Museu das Belas Artes
  2. Fonte Tinguely
  3. Catedral de Basiléia e Pfalz
  4. Marktplatz
  5. Prefeitura da Basiléia
  6. Barfüssenplatz
  7. Fondation Beyeller
  8. Rio Reno
  9. Mittlere Brücke
  10. Centro Histórico
  11. Leonhardskirche
  12. Jardim Merian

Confira abaixo os detalhes sobre cada um:

1 – Museu das Belas Artes

Imagem da frente do Museu das Belas Artes durante o dia com o prédio no centro. Representa o que fazer em Basel.
Museu das Belas Artes – Foto: Diego Imai

O museu é incrível e está listado entre os melhores museus do mundo. Tive a oportunidade de estar por lá no dia de reabertura do estabelecimento, foi incrível. Fiquei emocionado em poder ver obras de pintores como Picasso, Van Gogh, Dalí, Cezanne, Monet, etc. Você perde facilmente metade do dia dentro deste museu. O melhor de tudo? A entrada é grátis.

Reserve seu passeio em Basel e se divirta acompanhado de um guia belíngue.

2 – Fonte Tinguely

Imagem da Fonte Tinguely durante o dia com a fonte no centro e ao fundo várias casinhas. Representa o que fazer em Basel.
Tinguely Fountain – Foto: Diego Imai

Este é um dos pontos mais famosos da cidade. É também conhecido por ser um ponto de encontro entre os cidadãos da cidade. Nada mais é do que uma simples fonte de água que foi construída pelo artista suíço Jean Tinguely com peças do antigo teatro que ficava neste mesmo local (o teatro continua ali, mas é completamente novo).

No verão as peças ficam apenas jogando água para diferentes direções, mas no inverno dizem que a fonte acaba se tornando verdadeiras esculturas de gelo.

3 – Catedral de Basileia e Pfalz

Imagem da frente da Catedral de Basileia no final do dia com a igreja no centro. Representa o que fazer em Basel.
Catedral de Basileia – Foto: Diego Imai
Imagem da frente do Rio Reno em Pfalz durante o dia com o rio a frente e do lado direito a ponte do lado direito do rio várias casas.  Representa o que fazer em Basel.
Vista do Rio Reno em Pfalz – Foto: Diego Imai

A Catedral de Basel também é um dos, senão o principal, cartão postal da cidade. Se você está procurando o que fazer em Basel, não pode deixar de visitar esta construção dos séculos XII-XV em estilo românico e gótico. Está localizada em uma enorme e bonita praça que hospeda eventos. É um lugar sempre cercado de muitos turistas.

Atrás da catedral é possível encontrar uma plataforma que é conhecida como Pfalz, e dali curtir a vista incrível da cidade, do Rio Reno, do bairro de Kleinbasel, da Floresta Negra – dá para ver até Vosgues. A visita à catedral é gratuita!

4 – Marktplatz

Imagem de uma praça em Marktplatz do lado direito e esquerdo prédios antigos  e no centro da imagem pessoas andando.
Marktplatz – Foto: Diego Imai

O mercado carrega em si muita história. Acontece na praça em frente ao City Hall. Visitar tanto o mercado, quanto a praça é algo indispensável entre o que fazer em Basel. É um bom lugar para uma pequena pausa. Coma algo rápido e típico por lá, em um dos diversos stands com comidas. 😉

5 – Prefeitura da Basiléia

Imagem do edifício da Prefeitura da Basiléia durante o dia com pessoas a frente e ao fundo o prédio.
Prefeitura da Basiléia – Foto: Diego Imai
Imagem do pátio da Prefeitura da Basiléia com pátio do lado esquerdo ao fundo o prédio e do lado direito outro edifício.  Representa o que fazer em Basel.
Pátio da Prefeitura da Basiléia – Foto: Diego Imai

A prefeitura de Basiléia é um lugar que me deixou de boca aberta. O prédio fica localizado em Marktplatz, no coração do centro antigo, e chama a atenção por conta da cor vermelha. É possível organizar tour guiado com a Basel Turismo pra visitar os interiores, caso contrário vale apenas desfrutar da fachada e do pátio, onde há uma estátua de Munatius Plancus. A entrada é livre!

6 – Barfüsserplatz

Imagem de duas ruas do lado direito e esquerdo da imagem em Barfüsserplatz durante o dia e ao fundo edifícios.
Barfüssenplatz – Foto: Diego Imai
Imagem de um pátio do Barfüsserplatz com uma igreja do lado direito da imagem e do lado esquerdo um edifício. Representa o que fazer em Basel.
Barfüssenplatz – Foto: Diego Imai

Essa praça é um charme e foi meu segundo destino logo depois de visitar a fonte de Tinguely, já que fica menos de cinco minutos de distância. Ela foi a primeira impressão de quão charmoso e ativo é o centro histórico de Basel.

7 – Fundação Beyeler

Imagem do Fondation Beyeler durante o dia com um jardim a frente com algumas esculturas e do lado direito ao fundo a galeria.  Representa o que fazer em Basel.
Fundação Beyeler – Foto: Fred Romero via Flickr

Fui convidado a visitar a Fundação Beyeller, um dos Museus mais visitados da Suíça e que mistura arte, arquitetura e natureza. Fica um pouco afastado do centro da cidade, porém numa rápida viagem de Tram (bondinho sobre trilhos) você chega lá. O Museu está aberto todos os dias do ano e a entrada é um pouco cara – CHF 15 por adulto. Fique atento às exibições pra ter certeza que seja algo do seu interesse. O museu faz de três a quatro grandes exibições por ano.

8 – Rio Reno

Imagem do rio a frente no final do dia do lado direito uma ponte e do lado esquerdo ao fundo várias casas e mais ao fundo o prédio da La Roche, o mais alto da cidade.
Prédio da La Roche – Foto: Diego Imai
Imagem de um rio durante o dia e do lado esquerdo um barco.  Representa o que fazer em Basel.
Passeio de barco no Rio Reno – Foto: Diego Imai

O Rio Reno é um dos charmes da cidade, por ser um dos maiores rios da Europa e da Suíça. Para se ter uma ideia, o rio chega até Amsterdam, na Holanda.

Quando se visita Basel é possível fazer curtas viagens em um dos quatro ferries que cruzam o rio em cinco pontes da cidade. Os barcos cruzam o rio simplesmente com a força da correnteza e muitas pessoas usam os ferries como meio de transporte para se locomover na cidade.

9 – Mittlere Brücke

Imagem de um rio do lado direito no  começo da noite no centro do rio uma ponte do lado esquerdo várias casas.  Representa o que fazer em Basel.
Mittlere Brücke – Foto: Diego Imai

Um dos monumentos mais antigos da cidade é a Ponte do Meio. Esta é a principal ponte da cidade, aberta no ano de 1226, e uma das mais antigas que cruzam o Rio Reno. Começou apenas como uma ponte para trafego local, mas acabou se tornando um dos mais importantes pontos de travessia da cidade (Gotthard Pass).

10 – Centro Histórico

Imagem de um metro parada a frente da imagem durante o dia com algumas pessoas andando na calçada, no fundo prédios antigos. Representa o que fazer em Basel.
Basel – Foto: VV Nincic via Flickr

O Centro Histórico de Basileia é maravilhoso, um dos mais bem conservados da Europa. Nele você viaja pelo tempo em mais de dois mil anos de história. A cidade é consciente de sua tradição e também muito aberta à modernidade, por isso acaba se tornando um lugar muito especial. Você realmente sente isso na pele quando esta em Basel. De todas as cidades que visitei na Suíça, Basel foi a minha preferida.

Arte e cultura também são fortes em Basel. Não é à toa que carrega o nome de capital da cultura do país. Você encontra arte em todos os cantos, seja passeando pela cidade ou nos 37 museus.

11 – Leonhardskirche

Imagem do pátio da igreja do Leonhardskirche com jardim a frente com algumas arvores e ao fundo o edifício.
Leonhardskirche – Foto: Stéphane Olivier Vuille via Wikimedia Commons

Com arquitetura gótica, Leonhardskirche é uma igreja protestante (evangélica) reformada que está localizada em uma colina no planalto oeste de Basileia. O interior da igreja é incrível, com pinturas góticas e um refinado biombo com uma cruz do século XV. O local é aberto de terça a sexta-feira das 10h às 17h para visitação. Entrada gratuita!

12 – Jardim Merian

Imagem do Jardim Merian durante o dia com jardim com flores do lado esquerdo e do lado direito três pessoas andando e ao fundo uma casa.
Jardim Merian – Foto: Divulgação site oficial

O Jardim Merian possui 18 hectares com área de preservação, além de contar com estufas, plantas, flores, lagos e esculturas. É um parque onde você pode passar o dia inteiro com crianças, além de contar com inúmeras atividades para toda a família. A localidade conta com museu, restaurante e mercado. O local é aberto diariamente das 8h até o pôr do sol. A entrada é gratuita!

Confira mais opções de passeios em Basel para um roteiro imperdível.

Museus em Basel

Imagem durante o dia da frente do Vitra Design Museum no centro da imagem.
Vitra Design Museum – Foto: Wojtek Gurak via Flickr

O que não falta em Basel é museu. A cidade tem em torno de 40 museus, galerias de arte, teatros e eventos culturais.

O Museu das Belas Artes conta com um acervo rico de quadros de autores de diversos séculos,  incluindo grandes nomes como Van Gogh, Paul Cézanne, Renoir, Monet, Picasso, Salvador Dali, Miró, entre muitos outros. Vale a visita, pois há obras muito importantes. O museu é aberto de terça a domingo das 10h às 18h. O valor do ingresso é de CHF 39 por adulto. 

Já o Museu de História Natural de Basileia possui uma coleção rica em zoologia, entomologia, antropologia, osteologia e paleontologia, fazendo exposições de mineralogia. É uma volta ao passado e como a humanidade evoluiu! O museu funciona de terça a domingo das 10h às 17h. A taxa de entrada é de CHF 7.

O Museu de arte antiga de Basileia e coleção Ludwig é exclusivamente dedicado à arte das civilizações antigas a partir do 4º milênio a.C., até o século VII d.C. O lugar funciona de terça a domingo das 11h às 17h. O valor da entrada é de CHF 18 por pessoas. 

Confira mais opções de passeios em Basel para um roteiro imperdível.

O que fazer em Basel de graça

Se você quer aproveitar algumas atrações sem gastar dinheiro, algumas sugestões como passear pelo Centro Histórico, conhecer um pouco da história de Basel e admirar as belas arquiteturas dos edifícios históricos bem preservados são algumas dicas. Ainda no centro você também pode visitar as fontes da cidade: Tinguely, a Fischmarktbrunnen, a Sevogel Brunnen e muitas outras. 

Nos dias de calor, você pode caminhar pela orla do rio Reno, fazer um piquenique e tomar um banho de sol. Outra atração gratuita é o Jardim Merian, o lugar conta com flores, plantas, lagos e esculturas. É um parque perfeito para fazer um passeio com toda a família. Entrada gratuita!

  • Passear pelo rio Reno
  • Caminhar pelo Centro Histórico
  • Conhecer a fontes da cidade

Confira mais opções de passeios em Basel para um roteiro imperdível.

O que fazer em Basel com crianças

Basel oferece algumas atrações que vão entreter tanto adultos como crianças. O Basel Zoo é uma área de conservação, recreação, pesquisa e educação. O lugar conta com mais de 500 espécies de animais em habitat natural. O zoológico é aberto todos os dias das 8h às 17h30. O valor da taxa é de CHF 22 por adulto.

Outra atração para quem gosta de animais é o Zoológico Lange Erlen. O parque foi projetado para mostrar a vida selvagem e é de fácil acesso. O local abre diariamente das 8h às 17h. A entrada é gratuita!

Para quem gosta de passeios ao ar livre, o Jardim Merian é uma boa opção de passeio para toda a família. O local é de preservação ambiental e possui inúmeros ambientes lindos, que vão desde de belos jardins com flores até lagoas com águas cristalinas, além de ter também esculturas e dispor de atividades de recreação para os pequenos. 

Confira mais opções de passeios em Basel para um roteiro imperdível.

O que fazer em Basel à noite

Se você vai ficar alguns dias na cidade, há boas programações para fazer a noite em Basel. Se você quer desfrutar de bons drinks, ambiente descontraído e animado, o Sandoase é uma boa indicação por lá. Às margens do Reno, o bar serve coquetéis de frutas, além de hambúrgueres suculentos, saladas e tigelas frescas, frutos do mar e lindos pratos de aperitivos. 

Para quem gosta de jogos e ambientes descontraídos, a dica é se divertir no Grand Casino Basel. O local possui instalações modernas, bar e oferece todos os jogos de mesa e máquinas habituais. Ele abre diariamente das 10h às 5 da manhã.

E se você ama teatro, Basel dispõe de excelentes atrações no Teatro de Musicais de Basileia. O local é moderno, bem equipado e com bons shows musicais. Você pode conferir a programação no site e o valor do ingresso é em torno de CHF 40, porém depende da programação do dia.

Confira mais opções de passeios em Basel para um roteiro imperdível.

O que fazer em Basel com chuva

Às vezes, quando estamos viajando, estamos sujeitos ao mau tempo. Se você está em Basel e o tempo mudou e está chuvoso, para não perder o dia, indicamos ir a lugares fechados, como museus, ou aproveitar as comodidades do hotel, como spa, piscina ou restaurante. 

  • Visitar museus
  • Aproveitar as comodidades do hotel

Confira mais opções de passeios em Basel para um roteiro imperdível.

Swiss Travel Pass

Uma dica para quem vai viajar por vários dias no território suíço é o Swiss Travel Pass, um passe de transporte na Suíça que permite fazer viagens ilimitadas em um determinado número de dias. Ele dá acesso a todas as linhas de transporte público do país, o que vai facilitar muito a sua circulação por lá, além de oferecer entrada gratuita em museus.

Esse serviço tem validades, podendo ser de 3, 4, 6, 8 e 15 dias, e conta com duas modalidades: Swiss Travel Pass e Swiss Travel Pass FLEX. A primeira oferece 3, 4, 6, 8 ou 15 dias consecutivos de transporte, já a segunda é vendida apenas para viajantes, com a liberdade de escolher a quantidade de dias descrita acima – mas pode usar o passe por até 30 dias.

Além disso, o Swiss Travel Pass oferece acesso gratuito em mais de 500 museus, 50% de desconto em teleféricos e trens para picos de montanhas ou trens panorâmicos. Crianças menores de 6 anos acompanhadas por um titular de bilhete STS válido viajam gratuitamente.

Restaurantes em Basel

Imagem de um prato do Restaurant Safran Zunft Basel com macarrão, e vegetais em cima.
Restaurant Safran Zunft Basel – Foto: Divulgação via Instagram

Aproveitando que indicamos as melhores atrações da cidade, também não podíamos deixar de indicar os melhores lugares para comer em Basel. O Restaurant Safran Zunft Basel é elegante e sofisticado e oferece gastronomia refinada regional. Aproveite para saborear a massa orecchiette com burratina e manjericão, é uma delícia! 😋

O Schlüsselzunft fica em um edifício histórico, com um ambiente refinado e serve gastronomia local. O lugar possui um excelente atendimento, além de mesas bem decoradas. A sopa de cogumelos porcini é muito elogiada pelos clientes, então vale a pena experimentar! 

E, por fim, indicamos também o Restaurant Fiorentina Basel serve gastronomia mediterrânea e oferece uma bela vista do rio Reno. Com ambiente animado, staff prestativos e boa comida, o lugar é perfeito para comer bem, conversar e tomar um bom vinho. Os clientes elogiam muito a bisteca Fiorentina, então se você for apreciar o lugar, não deixe de saborear!

Onde ficar em Basel

Imagem do quarto do  Boutique & Design Hotel Volkshaus Basel com cama de casal do lado esquerdo da imagem do lado esquerdo da cama uma mesa redonda com uma cadeira e do lado direto dessa mesa uma outro poltrona com uma almofada em cima.
Clique na imagem e faça sua reserva no Boutique & Design Hotel Volkshaus Basel

Basel é um destino perfeito para quem é amantes de artes. Se você pretende pernoitar na cidade, separamos algumas indicações de hotéis em Basel, agora se você quer ficar bem localizado por lá, a dica é ficar no Hotel Schweizerhof que dispõe de boas acomodações:

Conheça mais hotéis em Basel para garantir a estadia perfeita.

Veja mais dicas de Basel

As dicas ainda não acabaram! Deixamos abaixo uma lista de posts completos para te dar uma mãozinha no planejamento da sua viagem:

Dúvidas frequentes

Onde comprar ingressos para Basel?

Uma boa dica de onde comprar ingressos para passeios em Basel é na Civitatis ou no GetYourGuide, sites confiáveis e que usamos em viagens. Veja os passeios disponíveis e já garanta a sua reserva!

O que fazer em Basel em 1 dia?

Se você vai ficar um dia só em Basel, então precisa conhecer o Centro Histórico, a Catedral de Basileia, Pfalz, a Ponte do Meio e Tinguely Fountain.

O que fazer em Basel em 2 dias?

Se o seu roteiro inclui depois dias para conhecer a cidade, no primeiro dia você deve visitar o Centro Histórico, a Catedral de Basileia, o Pfalz, a Ponte do Meio e o Tinguely Fountain. No segundo dia, aproveite para visitar a Prefeitura da Basiléia, o Museu das Belas Artes e o Museu de História Natural de Basileia.

O que fazer em Basel em 3 dias?

Se você separou três dias para conhecer Basel indicamos um roteiro da seguinte forma:

O que fazer em Basel em 4 dias?

Estar quatro dias em Basel vai te permitir conhecer mais muitos lugares. Sendo assim, elaboramos uma dica de roteiro:

O que fazer em Basel em 5 dias?

Acredito que ficar cinco dias em Basel é mais que o suficiente para conhecer a cidade. Por isso, fizemos uma sugestão de roteiro para esses dias: 

O que fazer em Basel no inverno?

Durante os meses de dezembro até meados de fevereiro as temperaturas caem significativamente na cidade e os passeios ao ar livre não são tão convidativos. Por isso, indicamos fazer passeios em ambientes fechados, como museus, galerias de artes ou tomar uma bebida quente em alguma cafeteria.

O que fazer em Basel no verão?

Já nos meses de junho até setembro as temperaturas são mais altas e a cidade ganha vida. Muitos visitantes que querem curtir os passeios ao ar livre e o verão europeu vão até lá nessa estação. Nesse período, os passeios aos parques são indicados, e nos dias de calor intenso você pode se refrescar no rio Reno ou fazer cruzeiros por lá.