Confira o que fazer em Singapura, a cidade mais futurística do Sudeste Asiático

É bem simples organizar o que fazer em Singapura, uma das cidades mais futurísticas do Sudeste Asiático. As atrações começam ainda no aeroporto Changi Airport com seu incrível complexo Jewel. Uma porta de entrada e tanto para iniciar o passeio por Singapura. 

A modernidade, tecnologia, regras rígidas e preocupação com o meio ambiente colocam Singapura constantemente na lista de destinos desejados. A cidade é bem sinalizada e o transporte público ajuda no deslocamento. Há opções de ônibus turísticos, além do inglês que é bem falado por lá. 

E, pensando nisso, separamos o que fazer em Singapura de 1 a 5 dias. Em 1 dia já dá para entender o motivo de tanto alvoroço pela cidade estado mais famosa do Sudeste Asiático.

Ah, também separamos algumas dicas de viagem extras para ajudar na organização do seu roteiro por Singapura. Vamos lá?


Contrate seu seguro viagem com desconto!
Ganhe 10% off com o cupom DICASDEVIAGEM5 + pagamento em boleto.
Clique aqui e aproveite!


Você vai ver nesse post:

Caso queria pular alguma parte, é só clicar nos links abaixo para ir direto ao tópico 😉

Quantos dias para aproveitar Singapura?

Singapura é um destino pequeno e prático para se locomover. O transporte público é super funcional e os principais atrativos turísticos estão bem concentrados. Dá para aproveitar o principal de o que fazer em Singapura em apenas um ou dois dias. Agora, para uma imersão mais profunda na cultura e conhecer melhor a cidade, mais dias serão necessários.

Se ficar por volta de cinco dias, dá para conhecer tudo com mais tranquilidade e de forma completa, já que muitos atrativos são realmente grandes. Sem contar que, para experimentar melhor o estilo multicultural de Singapura, mais dias fazem total sentido. 

Neste artigo, você vai encontrar um roteiro de 1 dia, para aquela parada estratégica durante alguma escala. E, para quem quiser aproveitar o melhor do que fazer em Singapura como destino principal, elaboramos um roteiro completo de até 5 dias.

Já comprou suas passagens para a Singapura? Não deixe de conferir as ofertas do Passagens Promo!

O que fazer em Singapura – Monte seu roteiro de 1 a 5 dias na cidade

Singapura é um destino tão único que o próprio aeroporto já é um super atrativo turístico para conhecer. O Jewel foi inaugurado há pouco tempo e já encanta muitos viajantes. As árvores do Garden by the Bay revelam um universo digno de filmes futuristas. 

Muitos dos demais atrativos de o que fazer em Singapura fazem parte do livro dos recordes. Entre as atrações megalomaníacas estão a maior fonte do mundo e a segunda maior roda gigante. Ainda há o aquário que faz você se sentir debaixo das águas sem ter que se molhar. E mais, em Singapura você pode também explorar a ilha dos parques de diversão.

O destino que transpira culturas diferentes e serve uma gastronomia de sabores exóticos e peculiares. Nós separamos o melhor de Singapura para você colocar na sua lista de o que fazer em Singapura. Abaixo você confere o roteiro em partes, para ajudar no seu planejamento de viagem.

Seguro viagem para Singapura com 5% de desconto com o cupom DICASDEVIAGEM5 – adquira o seu clicando aqui!

O que fazer em Singapura em 1 dia

Complexo Jewel – Changi Airport

O bacana de Singapura é que um dos seus principais pontos turísticos é o próprio aeroporto, considerado o melhor do mundo há sete anos consecutivos pela Skytrax.

O Changi Airport é famoso por sua floresta artificial dentro do próprio local. Se o seu tempo é super curto em Singapura, vale a pena concentrar sua visita no Complexo Jewel.

A imponente com cúpula de vidro e metal exibe uma queda d’água de 40 metros de altura. A Rain Vortex é considerada a maior cachoeira interna do mundo, e todo o complexo segue uma pegada natural. O paisagismo e o som da cachoeira acompanhando seus passos te farão esquecer que está dentro de um aeroporto. 

Ainda lá dentro, você corre o risco de perder a hora ao conhecer no Canopy Park com seus simpáticos animais feitos em flores. Dá para se distrair na curiosa área de foggy artificial, nas redes suspensas e nos labirintos. Sem contar as 280 lojas, o hotel, o cinema e a praça de alimentação.

Vale garantir o ingresso para o Canopy Park antecipadamente, para evitar filas e aproveitar melhor o seu tempo em Singapura.

A Rain Vortex no Changi Airport, considerada a maior queda d'água interna
A Rain Vortex no Changi Airport, considerada a maior queda d’água interna

Gardens by the Bay

Se você conseguir sair do aeroporto, seu próximo destino deve ser o Garden by the Bay, na Marina Bay, o cartão postal da cidade.

Inclusive é bem possível que você tenha incluído Singapura em sua lista de desejos por conta deste lugar. De transporte público você vai demorar quase uma hora para chegar no ponto turístico mais famoso de Singapura, mas se alugar um carro são cerca de 20 minutos a partir do aeroporto.

O jardim botânico parece saído de filmes futuristas. São árvores de metal imensas, com até 50 metros de altura, exibindo-se verticalmente e de forma totalmente sustentável.

Elas também são conhecidas como supertrees grove. Você não verá nada parecido em qualquer outro lugar. E, de noite, ainda capricham no espetáculo com muitas luzes e música. Apenas a entrada para as passarelas suspensas é cobrada.

No Gardens by the Bay dá para visitar a Cloud Forest e o Flower Dome. São estufas em proporções grandes, muita riqueza de flora com reprodução do clima de diversas partes do mundo e direito a uma montanha interna. 

Vale a pena comprar os ingressos para as passarelas com antecedência para evitar filas por lá, a partir de U$ 15 por pessoa.

Compre seu ingresso sem filas para as passarelas do Gardens by the Bay clicando aqui.

O Garden by the Bay em Singapura - Foto: Site Oficial
O Garden by the Bay em Singapura – Foto: Site Oficial
As famosas supertrees grove durante a noite no Garden by the Bay em Singapura
As famosas supertrees grove durante a noite no Garden by the Bay em Singapura
O Flower Dome no Garden by the Bay em Singapura
O Flower Dome no Garden by the Bay em Singapura

Marina Bay Sands

Ainda nesta região, dá para tirar uma foto do famoso hotel casino Marina Bay Sands. Aquele hotel de três torres e a piscina de borda infinita mais alta do mundo, desejada por muitos viajantes. Se quiser, dá até para apreciar um belo pôr do sol do rooftop do hotel no bar-restaurante Cé La Vie

A ideia de conhecer o aeroporto, Gardens By the Bay e a Marina Bay Sands em um dia é possível. É verdade que não será um passeio completo e vai ser um pouco corrido, mas pelo menos você terá as fotos clássicas de Singapura.

Compre seu ingresso para conhecer o bar do Marina Bay Sands clicando aqui.

As exuberantes torres do hotel Marina Bay Sands
As exuberantes torres do hotel Marina Bay Sands

O que fazer em Singapura em 2 dias

Singapore Flyer e Fountain of Wealth

Aproveite mais um dia de estadia em Singapura para entender porque ela é a terra dos recordes. Só na região de Suntec City você já vai conhecer dois pontos turísticos de grande proporção.

Entre eles, a segunda maior roda gigante do mundo, a Singapore Flyer. São 165 metros de altura com uma das melhores vistas panorâmicas da Marina Bay, dá até para ver partes da Malásia e Indonésia lá de cima.

Já a Fountain of Wealth ganhou o título de maior fonte do mundo com 13,8 metros de altura. Para completar, todas as noites a fonte recebe um show de luzes caprichado.

Compre sua volta na roda gigante antecipadamente clicando aqui.

A Singapore Flyer, uma das maiores rodas gigantes
A Singapore Flyer, uma das maiores rodas gigantes
A Fountain of Wealth em Singapura
A Fountain of Wealth em Singapura

Museus e Merlion Park

Ainda na na região de Suntec City, siga para o National Gallery Singapore. Além da beleza arquitetônica e histórica do lugar, se trata da maior coleção pública de arte moderna do Sudeste Asiático. Se preferir, conheça a história de Singapura no National Museum of Singapore. E, se ainda estiver no pique, finalize o seu passeio no Merlion Park.

Além da beleza você verá a estátua mitológica cabeça de leão e corpo de peixe, um importante símbolo de Singapura. 

Ou ainda conheça o Museu de Arte e Ciência de Singapura, o maior centro tecnológico da cidade. O prédio do museu foi construído na forma da flor de lótus.

O Merlion Park com a estátua mitológica de Singapura
O Merlion Park com a estátua mitológica de Singapura
O icônico Museu de Arte e Ciência de Singapura
O icônico Museu de Arte e Ciência de Singapura

O que fazer em Singapura em 3 dias

Chinatown

Ir para Chinatown em Singapura é um passeio que deve entrar no seu roteiro. A estação de metrô Chinatown é a melhor opção. É verdade que você irá para um bairro com mesma pegada de tantas outras Chinatown, mas vale conhecer.

Principalmente se você levar em consideração que Singapura tem uma população predominantemente chinesa. E, não deixe de arriscar e apreciar as comidas e petiscos servidos no hawker Chinatown Food Street (no Google Maps, pesquise por Smith Street).

Aproveite para conhecer o Templo Sri Mariamman. É o templo hindu mais antigo do país. A torre repleta de estátuas coloridas é no mínimo curiosa e rende boas fotos.

Outro templo que merece a atenção é o templo budista Buddha Tooth Relic Temple. E, conheça mais sobre os planos para Singapura no Singapore City Gallery, com direito a fotos e uma maquete incrível da cidade. 

Templo Sri Mariamman em Singapura
Templo Sri Mariamman em Singapura – Foto: Ray in Manila via Flickr
A Buddha Tooth Relic Temple em Singapura
A Buddha Tooth Relic Temple em Singapura

Peranakan Houses

Caso esteja buscando lugares instagramáveis e com arquitetura icônica, é no terceiro dia você pode visitar as cores vibrantes das casas Peranakan Houses. Essa é uma dica de uma amiga australiana de nossa editora Virginia, a Leticia Dick, que morou em Singapura por 17 anos.

As casinhas ficam um pouco afastadas do centro, a cerca de 20 minutos de Chinatown, na Koon Seng Road no Distrito de Katong.

A área possui lojinhas para compras de produtos típicos e casas coloniais super coloridas. O ideal é conhecer a região bem cedinho ou já no fim da tarde para não pegar a rua cheia de trânsito e turistas, e assim conseguir tirar boas fotos.

Além disso, ali perto vale provar as tradicionais Laksa, uma sopa típica da região de Singapura e Malásia (contamos mais sobre ela abaixo).

A Peranakan Houses em Singapura
A Peranakan Houses – Foto: Leticia Dick @livinglikeafreebird, que morou 17 anos em Singapura recomenda as casinhas históricas como um dos pontos mais Instagramáveis de Singapura

O que fazer em Singapura em 4 dias

Ilha de Sentosa

Deixe o quarto dia para explorar a Ilha Sentosa. Será um dia repleto de muita diversão. O legal é que dá para chegar na ilha até de teleférico, e o passeio vai valer a pena. Mas também dá para ir andando ou de transporte público.

Veja os valores dos ingressos para o Teleférico para Ilha de Sentosa clicando aqui

Sea Aquarium e Trick Eye Museum

Em Sentosa, há opções para diversos gostos de diversão. O Sea Aquarium possui o maior painel de acrílico do mundo. Sinta-se mergulhando na água em um passeio por túneis com rica variedade de espécies aquáticas. 

No Trick Eye Museum Singapore a criançada se diverte com a ilusão de estar inserida em imagens estáticas. Adultos também costumam adorar o resultado nas fotos.

Compre seu ingresso para o Sea Aquarium clicando aqui.

O Sea Aquarium na Ilha de Sentosa, em Singapura
O Sea Aquarium na Ilha de Sentosa, em Singapura

Parques Aquáticos e Temáticos

Também na Ilha de Sentosa, dá para aproveitar o melhor do parque aquático em Singapura, o Adventure Cove Waterpark, com muitas piscinas e toboáguas, e há ainda o parque aquático Palawan Pirate Ship.

E, falando em parques, é aqui que fica mais uma unidade de diversão do parque temático da Universal Studios, que vale muito conhecer.

A Universal Studios em Singapura
A Universal Studios em Singapura

Museu de Cera e Show de Luzes

Basta escolher qual o tipo de parque e atração que mais agrada e explorar da melhor maneira possível Sentosa. Também tem o clássico Museu de Cera Madame Tussauds e, claro, praias para aproveitar o mar. Ou apreciar o show de luzes, fogos e projeções do Wings of Time.

Compre seu ingresso para o Wing of Times clicando aqui.

O show Wing of Time em Sentosa - finalize seu dia com esse incrível espetáculo - Foto: Sentosa Oficial
O show Wing of Time em Sentosa – finalize seu dia com esse incrível espetáculo – Foto: Sentosa Oficial

O que fazer em Singapura em 5 dias

O último dia é ideal para fazer uma seleção dos lugares que você gostaria de conhecer melhor, ou descobrir lugares um pouco fora de rota turística.

Uma boa dica é a Little India, bairro que transpira cultura indiana, com muitas casinhas coloridas e gastronomia indiana clássica marcante. A Arab Street, na Arab Quarter, tem muitas opções de bares, restaurantes, além de uma mesquita inserida na paisagem.

Ou ainda, reserve um tempo para se aventurar nas luxuosas ruas e lojas da Orchard Road. Por aqui você vai encontrar shopping enormes, com vários andares de lojas luxuosas e algumas mais simples, mas enorme variedade, além de várias praças de alimentação e restaurantes variados.

Mapa das atrações em Singapura

Para facilitar seu planejamento fizemos um mapa com todas as atrações que falamos aqui.

O que e Onde comer em Singapura

O tradicional Chilli Crab

A riqueza gastronômica de Singapura é resultado de sua população multicultural. Ainda há muita influência chinesa, árabe e indiana. Não à toa, alguns bairros celebram essas culturas tão bem estabelecidas em Singapura.

O prato nacional é o Chilli Crab, um caranguejo com molho picante e ovo. É considerado o mais original de Singapura. Prove o mais tradicional de todos no Palm Beach Seafood. 

O tradicional Chilli Crab
O tradicional Chilli Crab

Descubra os hawkers

Quer comida simples, saborosa e mais em conta? Então dê atenção aos hawkers, são praças de alimentação espalhadas pelos bairros e costumam aceitar apenas dinheiro. 

Alguns deles são: o Newton Food Centre (Orchard Road), o Makansutra Gluttons Bay (com vista para Marina Bay) e Satay By The Bay (Garden by the Bay). O arroz está presente em quase todos os pratos, como no Bak Kut – um caldo de costelas de porco com ervas.

O Makansutra Gluttons Bay, uma das opções de hawkers em Singapura
O Makansutra Gluttons Bay, uma das opções de hawkers em Singapura

Boat Quay e Clark Quay

Margeando o Rio Singapura, os cais histórico Boat Quay e Clark Quay se conectam oferecendo muito charme, restaurantes e bares. O almoço pode ser feito no Boat Quay, enquanto a agitação noturna ganha força em Clark Quay.

A culinária japonesa brilha no Yakiniquest que foge do peixe e surpreende com uma carne tipicamente japonesa. Já os pratos do Braci (premiado com 1 estrela Michelan) oferecem o melhor da culinária italiana. E, aprecie a famosa torrada kaya em uma das lojas do Ya Kun Kaya Toast. Kaya é uma geléia de coco com ovo bem docinha. 

O tradicional pãozinho com kaya no Ya Kun Kaya Toast
O tradicional pãozinho com kaya no Ya Kun Kaya Toast

Experimente a Laksa

A Laska é uma sopa típica de Singapura, geralmente com dois ingredientes obrigatórios: massa de arroz e folha de laksa (conhecido como um coentro do vietname). Nela, você escolhe as variantes, como a asam laksa, com base em um caldo de peixe.

Se você for visitar as casinhas coloridas de Peranakan, há um restaurante chamado 328 Katong Laksa por lá que oferece o prato a preços acessíveis.

Os terraços de Singapura

Explore os rooftops de Singapura. Na Marina Bay, dê uma chance à cerveja artesanal do Level 33 ou vá apreciar os coquetéis do Lantern na Collyer Quay.

Para quem deseja uma vista mais do centro da cidade, vale a pena arriscar o Urbana Rooftop Bar. 

Onde se hospedar em Singapura – Nossas Indicações de Hotel

$ – Econômico | $$ – Médio/Bom custo-benefício | $$$ – Sofisticado/Luxo

*Podem ocorrer alterações nos valores das diárias conforme a época do ano e disponibilidade. Consulte sempre o site do Booking.com para verificar os preços atualizados.

>> Leia mais Onde ficar em Singapura – Guia dos Melhores Bairros e Hotéis

Durma nas cápsulas de Singapura

Em Singapura, dá para se hospedar em hotéis luxuosos até as peculiares cápsulas para dormir. Inclusive, o MET A Space Pod ($$) é perfeito para quem gosta de uma temática mais espacial. Fica em Boat Quay e oferece uma experiência única, com café da manhã incluso em cápsulas individuais ou duplas bem equipadas. 

Outra boa opção no estilo cápsula é o Cube Boutique Capsule Hotel ($$), vale a pena conferir. Os hotéis cápsulas, em sua maioria, seguem a proposta de um hostel. A grande diferença está no fato de as cama ficarem serem mais reservadas e protegidas. 

Encontre aqui mais opções de hotéis baratos em Singapura

O MET A Space Pod
O MET A Space Pod
O Cube Boutique Capsule Hotel
O Cube Boutique Capsule Hotel

Hotéis de luxo em Singapura

Agora, se desejar usar a piscina com borda infinita mais alta do mundo, se hospede no Marina Bay Sands ($$$). Apesar de todo o luxo e excelência no serviço, o hotel se tornou super desejável basicamente por conta de sua piscina. O que, aqui entre nós, faz bastante sentido. Então, se você sonha em mergulhar nessa piscina, reserve pelo menos uma diária. 

Outra boa opção cinco estrelas é o Shangri-La Hotel Singapore ($$$) um dos mais tradicionais, localizado na Orchard Road. Ou ainda o The Outpost Hotel Sentosa ($$$) na Ilha de Sentosa, exclusivo para adultos.

>> Leia também Hotéis 5 estrelas Singapura – Nossa lista dos Melhores da Cidade

Encontre aqui mais opções de hotéis de luxo em Singapura

A famosa piscina do Marina Bay Sands
A famosa piscina do Marina Bay Sands
O Shangri-La Hotel Singapore
O Shangri-La Hotel Singapore
The Outpost Hotel Sentosa by Far East Hospitality
The Outpost Hotel Sentosa by Far East Hospitality

Hotéis com bom custo benefício em Singapura

Em Chinatown, o ST Signature Chinatown ($$) tem bom custo-benefício, com quartos pequenos, mas confortáveis. Apesar de não serem necessariamente cápsulas, algumas unidades não contam com janela.

O Ibis Budget Singapore Sapphire ($) é a opção ideal para diárias abaixo de R$ 300 em quartos bem padronizados e sem muito charme típico. Fica em Geylang, no meio do percurso entre o Changi Aiport e as principais atrações turísticas de Singapura.

Encontre aqui mais opções de hotéis com bom custo benefício em Singapura

Quarto do ST Signature Chinatown
Quarto do ST Signature Chinatown
Quarto do Ibis Budget Singapore Sapphire
Quarto do Ibis Budget Singapore Sapphire

Dicas sobre Singapura

Dicas de o que levar na mala para Singapura

Sapatos confortáveis e roupas leves são essenciais para andar por Singapura.

Uma boa dica é comprar um chip internacional de celular para continuar postando as fotos da viagem, além de outras facilidades.

Compre seu chip de internet ilimitado para usar durante sua viagem – clique aqui!

Clima

Singapura tem um clima com estações indefinidas. Chove durante o ano todo, como chuva de verão.

De outubro a janeiro a chuva é mais intensa. Apesar da sensação térmica alta, a temperatura média é de 27º. Já em abril e maio o calor pode ultrapassar os 32º. 

Transporte 

O transporte público de Singapura é ótimo. Há estações de MRT (Mass Rapid Transit) perto dos principais pontos turísticos da cidade estado. Para facilitar, adquira o cartão recarregável EZ-Link, que também pode ser usado no trem e ônibus.

E, o Singapore Tourist Pass oferece opções para 1, 2 ou 3 dias. O valor único permite viagens ilimitadas nos principais meios de transporte público. Verifique a melhor opção para sua viagem e compre em alguma estação de metrô.

Os valores valores dos táxis e Ubers são atraentes. Só lembre que o táxi só para no ponto de táxi., não adianta estender a mão ou assobiar.

O limpíssimo MRT (metrô) em Singapura
O limpíssimo MRT (metrô) em Singapura

Taxas

Muitos produtos em Singapura recebem um imposto de 7% sobre o valor da etiqueta. No restaurante também é cobrado a taxa, que em alguns casos ainda é somada ao valor do serviço. Na dúvida, pergunte antes para evitar surpresas.

Com o sistema de tax free, você resgata o valor do imposto pago. Porém só é aplicável para compras acima de 100 SGD (dólares singapuriano) e mediante apresentação do passaporte.

Atenção às regras de Singapura

A cidade é realmente muito limpa, e para isso algumas atitudes incomuns aos nossos olhos são tomadas. Por exemplo, se você adora um chiclete, enquanto estiver em Singapura esqueça! Lá é proibido e pode ser confiscado na imigração.

Não bobeie, lixo jogado na rua gera multa altíssima. Também não se atreva a tocar instrumento musical em lugar público e nem cantar letras obscenas de música.

Esqueça também aquele lanchinho rápido ou o café no metrô, onde é proibido comer. Ah, e se você tem o hábito de dar migalhas para pombos, não faça, pois será multado! Cuspir no chão também vai ficar bem caro para o seu bolso.

Apesar de a Durian ser a fruta oficial de Singapura, muitos lugares proíbem o consumo in natura dela, por conta de seu forte cheiro. Então, caso queira provar a fruta, fique atento à permissão de consumo.

Durian, a famosa fruta de Singapura
Durian, a famosa fruta de Singapura

A faixa de pedestre deve ser respeitada, caso contrário você poderá ser multado. 

Em Singapura a roupa deve permanecer no corpo, e não é permitido andar sem camisa na rua. E, tome cuidado ao ficar nu, mesmo que dentro de um quarto de hote. Garanta que todas as janelas estejam completamente fechadas, pois se alguém ver é multa na certa.

Singapura não permite a homossexualidade. Então, como turista, evite carinhos e beijos em público.

Por fim, não esqueça que o país exige o certificado internacional de vacinação com a devida dose contra febre amarela tomada.

Perguntas e Respostas Rápidas sobre Singapura

Precisa de seguro viagem para Singapura?

Não é obrigatório, mas nós recomendamos a contratação de um seguro viagem internacional para qualquer destino. Clique aqui para fazer seu orçamento.

Precisa de alguma vacina para viajar para Singapura?

Sim, para ir a Singapura você precisará do certificado de vacinação de febre amarela. Saiba mais sobre a vacina e leia dicas sobre o destino.

O que fazer em um dia em Singapura?

– Complexo Jewel
– Garden by the Bay
– Marian By Sands
Leia mais…

O que fazer em Singapura em 2 dias?

– Singapore Flyer
– Fountain of Wealth
Leia mais…

O que fazer em Singapura em 3 dias?

– Chinatown
– Peranakan Houses
Leia mais…

Onde se hospedar em Singapura?

No estilo cápsula o Cube Boutique Capsule Hotel ($), com bom custo benefício o Ibis Budget Singapore Sapphire ($$) e o ST Signature Chinatown ($$). Veja mais opções de hotéis aqui.

O que fazer em Sentosa em Singapura?

– Teleférico
Sea Aquarium
Universal Studios Singapura em Sentosa
Leia mais…

Qual melhor época de conhecer Singapura?

Durante os meses menos chuvosos, entre maio e setembro leia mais…

Gostou das nossas dicas de o que fazer em Singapura? Deixe aqui seus comentários ou dúvidas que a gente sempre te ajuda. 😉

Leia Também