Com um dos melhores astrais do Canadá, Whistler possui uma energia outdoor contagiante. Estações de esqui, tirolesa, caiaque, rafting, mountain bike, cachoeiras e trilhas são só algumas das atividades que a cidade oferece.

Whistler é uma cidade que precisa estar no roteiro de quem visita Vancouver. Com uma energia jovem, outdoor e contagiante, a pequena cidade abriga inúmeras atividades e possibilidades de passeios ao ar livre, muito contato com a natureza e um centrinho cheio de charme alpino. Vamos te contar tudo o que fazer em Whistler no Canadá!

No inverno, atrai turistas e moradores de todo o Canadá, já que tem as melhores pistas de esqui e snowboard da Columbia Britânica. No verão, é a capital do Mountain Bike, trilhas, expedições. Mesmo com o calor, costuma ter neve nos picos das montanhas e atrair esquiadores fora de hora.

>> Se for esquiar leia as dicas no nosso post Ikon Pass dá acesso à diversos destinos de neve em uma viagem

A cidade também foi sede dos Jogos Olímpicos de Inverno em 2010, tudo por suas incríveis pistas de esqui. É a maior estação de esqui do Canadá, as descidas mais radicais da América do Norte estão em Whistler.

Venha descobrir tudo o que esse lugar revela!

Os arcos Jogos Olímpicos de Inverno que foram realizados em 2010

O que fazer em Whistler

1 – A Sea to Sky Highway – Pare na estrada para ver as cachoeiras

A viagem, saindo de Vancouver leva 1h30 na ida, e já é um espetáculo por ela mesma. Alugar um carro e dirigir pela Sea To Sky Highway – uma das estradas mais bonitas do mundo – é uma experiência que merece ser vivida vagarosamente.

Clique Aqui e alugue seu carro com a RentCars. O site compara as melhores locadoras do mundo. Você pode pagar em, sem IOFe em até 12x sem juros.

Existem diversas paradas no meio da rodovia que vale estacionar o carro e se deslumbrar com as belezas locais.

A primeira parada é o Parque Shannon Falls, que pode ser avistada logo da estrada antes de chegar na cidade de Squamish. De lá, são 5 minutos de caminhada para admirar a queda.

O parque também possui diversas trilhas para todos os níveis, com um dos visuais mais bonitos da estrada ao longo da caminhada. Já a Brandywine Falls fica a 30 minutos mais para a frente de carro na Sea to Sky. É preciso estacionar o carro e andar 15 minutos pelo parque para se deparar com tamanha beleza.

O que fazer em Whistler - Brandywine Falls - um dos muitos lugares lindo pelo caminho da Sea to Sky Highway
A Brandywine Falls – um dos muitos lugares lindo pelo caminho da Sea to Sky Highway

2 – Suba na Sea to Sky Gondola

A comunidade de Squamish pode passar desapercebida para quem passa rápido na rodovia. Porém, é uma das paradas mais indispensáveis da viagem.

Em cima da montanha, fica um lodge com restaurante, uma ponte suspensa e diversos mirantes com vistas panorâmicas da região. É possível subir pela The Gôndola  (a partir de 44 dólares canadenses por adulto).

Vista do cume da Sea to Sky Gondola. Foto: Virginia Falanghe
Vista do cume da Sea to Sky Gondola. Foto: Virginia Falanghe

Não esqueça do seu seguro viagem! Principalmente se você for esquiar em Whistler. Viaje tranquilo gastando pouco com o Seguros Promo!

#FicaADica: Economize 10% em seu seguro viagem. Use o cupom DICASDEVIAGEM5 para ganhar 5% de desconto e pague no boleto para garantir 5% OFF adicional.

Seguro Viagem: América do Norte
AT 40 AMÉRICA DO NORTE AT 40 AMÉRICA DO NORTE Assistência médica USD 40.000 Bagagem extraviada USD 1.500 (COMPLEMENTAR) R$ 27/dia*
AT 60 AMÉRICA DO NORTE AT 60 AMÉRICA DO NORTE Assistência médica USD 60.000 Bagagem extraviada USD 1.500 (COMPLEMENTAR) R$ 39/dia*
TA 40 Especial - Am. Norte TA 40 Especial - Am. Norte Assistência médica USD 40.000 Bagagem extraviada USD 1.200 R$ 10/dia*

3 – Tirolesa em meio as montanhas nevadas com a Superfly Zipline

Começar o dia sentindo a adrenalina de diversas tirolesas entre um dos visuais mais espetaculares do mundo não tem preço. A SuperFly Zipline possui tirolesas diferentes que descem um vale rodeado por picos nevados.

Os visitantes descem quatro tirolesas: a mais alta, a mais rápida, a mais longa e para encerrar, a mais romântica. O passeio tem a duração de uma manhã e custa cerca de 99 dólares canadenses por pessoa. Vale cada centavo!

Tirolesa na  SuperFly Zipline em Whistler. Foto: Virginia Falanghe
Tirolesa na SuperFly Zipline em Whistler. Foto: Virginia Falanghe

4 – Suba a Blackcomb Mountain com a Peak 2 Peak

Um dos passeios mais surpreendentes para quem vai para Whistler e subir a gôndola Peak 2 Peak. O teleférico vai a mais de 2.000 metros de altura e liga duas montanhas, a Montanha Whistler e até o cume da Montanha Blackcomb.

Pode ser alto verão lá embaixo na cidade, mas ao chegar no cume os picos continuam nevados e ainda há pessoas praticando esqui por lá. O visual, então, é coisa de outro mundo. Pessoalmente, foi o meu passeio preferido da viagem.

O passeio no total dura em torno de 3 a 4 horas e custa a partir de 53 dólares canadenses por pessoa.

Blackcomb Mountain. É possível subir através da Peak 2 Peak Gondola. Foto: Virginia Falanghe
Blackcomb Mountain. É possível subir através da Peak 2 Peak Gondola. Foto: Virginia Falanghe
Símbolo das Olimpíadas de inverno de 2010 na Blackcomb Mountain. É possível subir com a Peak 2 Peak Gondola. Foto: Virginia Falanghe
Símbolo das Olimpíadas de inverno de 2010 na Blackcomb Mountain. É possível subir com a Peak 2 Peak Gondola. Foto: Virginia Falanghe

5 – Faça uma trilha no Joffre Lakes

Entre as maravilhas naturais que você precisa fazer quando estiver em Vancouver é a trilha para o Joffre Lakes. O parque fica a 1 hora de carro para o norte de Whistler.

O Parque abriga 3 lagos cristalinos – azul turquesa lindo – formados por água de degelo: o Lower Joffre Lake, o Middle Joffre Lake e o Upper Joffre Lake

Para conhecer os três lagos, é preciso se preparar para uma boa trilha com cerca de 6 horas de duração (ida e volta). Mas muito a pena!

#MomentoCiência: Uma curiosidade, a cor azul turquesa espetacular é por causa do rockflour, uma espécie de “farinha das rocha”. Essas partículas, que se desprendem das geleiras, ficam suspensas na água e refletem essa cor maravilhosa. Em outros lagos do Canadá e do mundo também é possível ver esse mesmo fenômeno.

>> O Brian visitou outros lugares como esse e contou tudo no post, corre pra ler – Descubra os 6 lagos no Canadá que valem a visita.

 Middle Joffre Lake - Foto: Brian Baldrati - o que fazer em Whistler
Middle Joffre Lake – Foto: Brian Baldrati
 Middle Joffre Lake - Foto: Brian Baldrati - o que fazer em Whistler
Middle Lake, Joffre Lakes Provincial Park. Foto: Brian Baldrati

6 – Não perca a quarta-feira das Wings no El Furniture Warehouse

É muito gostoso sair para jantar em Whistler e passear pela charmosa cidade com um clima super alpino.

Uma das grandes descobertas foi o El Furniture Warehouse, que tem pratos que custam cerca de 5 dólares canadense e excelentes drinks. Nas Quartas-feiras, as asas de frango – chicken wings – saem a partir de 33 centavos cada.

El Furniture Warehouse - o que fazer em Whistler
El Furniture Warehouse em Whistler

Onde se hospedar em Whistler

Blackcomb Springs Suites

O que vale a pena: Fique pertinho das pistas de esqui

Se tem uma coisa que vale muito a pena no inverno é ficar em um hotel que você sai do seu quarto e já está em uma pista de esqui. O Blackcomb Springs Suites é um deles.

Além disso, os quartos do hotel possuem cozinha, terraço e sala. Tornando o hotel perfeito para famílias e casais que querem economizar e cozinhar em casa. Ele fica a 5 minutos do centro da cidade e possui translado de graça para lá.

Diárias para casal com café da manhã e estacionamento a partir de 360 dólares canadenses.

Gostou? Clique Aqui e reserve agora seu quarto no Blackcomb Springs Suites e aproveite muito a vista desse lugar!

Encontre mais opções onde ficar em Whistler com os melhores preços aqui pelo Booking!

#FicaADica:Fique de olho nas ‘Ofertas Espertas’, que duram apenas um dia. Alguns hotéis incríveis oferecem ótimos desconto usando este selo na plataforma. Se encontrar um bom negócio, vale fechar 🙂

Booking.com

E você? Já sabe o que fazer em Whistler? Comente aqui!

Leia Mais

Vancouver, Canada – O Guia Completo de Viagem

O que fazer em Vancouver – 12 Pontos Turísticos para conhecer na cidade

Ikon Pass dá acesso à diversos destinos de neve em uma viagem

As maravilhas naturais que você precisa conhecer quando for a Vancouver

Rota do Vinho na Columbia Britânica

Descubra os 6 lagos no Canadá que valem a visita

A caça à Aurora Boreal no Canadá