A maior cidade da Suíça reserva passeios indispensáveis para quem a visita. Se você quer saber o que fazer em Zurique, aqui tem oito dicas certeiras!

Zurique é maior cidade da Suíça, localizada no coração da Europa e aos pés dos Alpes suíços, é normalmente o ponto de inicio quando se visita o país. Também conhecida por ser o centro econômico suíço, já chegou a ser nomeada a cidade com melhor qualidade para se viver no mundo pela Mercer’s Quality of Living Survey e também a cidade mais rica da Europa.

Zurique foi meu ponto de partida na Suíça e o primeiro contato já foi de impressionar. A cidade possui o maior aeroporto do país, que tem conexões diretas com 170 destinos pelo mundo todo. Além disso, são apenas dez minutos de trem até a estação central que também é a maior do país. A cidade em si tem muito a oferecer, a mistura de uma metrópole moderna com o lado histórico de cidade antiga, torna Zurique um lugar especial e muito atraente para pessoas de todos os tipos. A parte histórica é muito charmosa, uma das mais atraentes da cidade. Só de poder caminhar pela Old Town já vale a visita.

o que fazer em zurique

Contrastando o histórico, muitos museus, galerias, restaurantes, noite agitada e bairros modernas mostram um pouco a atmosfera da cidade.

Zurique também é conhecida como a cidade da água, pois ela está em todo lugar. A cidade foi construída às margens do Lago Zurique e ao Rio Limmat, que cruza a parte histórica. O curioso é que a cidade possui 1.200 fontes de água potável. Então fica a dica: compre apenas uma garrafa d’água e a encha sempre em uma das fontes ou qualquer torneira da cidade.

Além do panorama geral, fica a pergunta: o que fazer em Zurique? Nós fizemos uma lista com 8 passeios imperdíveis na cidade.

1 – Bahnhofstrasse

É uma das ruas mais populares da cidade, começa na estação central e termina de encontro com o Lago de Zurique. Sempre muito movimentada e cheia de lojas famosas, recomendo como primeira atividade a se fazer ao começar explorar Zurique.
Caminhar da estação central, que sozinha já é algo para se visitar, até o final da rua, é algo indispensável. A Bahnhofstrasse termina ainda com uma bela vista para o Lago Zurique, onde você pode começar a explorar a parte antiga da cidade.

o que fazer em zurique estação central

Estação Central – Zurique

2 – Limmatquai

Esta é uma rua ao lado do Rio Limmat na parte histórica da cidade. Carros por ali não tem acesso, dando espaço para cafés, lojas coloridas e restaurantes com especialidades suíças. A Limmatquai é sem dúvida uma caminhada gostosa (cerca de 1km) à beira do Rio.

o que fazer em zurique

Limmatquai

3 – Grossmünster

Esta igreja protestante no estilo românico às margens do Rio Limmat, é com certeza um dos símbolos mais famosos da cidade de Zurique. Construída por volta do ano 1.100 e desde então, reconstruída e renovada várias vezes. Hoje a igreja é aberta para visitas e o que me chamou a atenção foram seus vitrais (obras do artista alemão Sigmar Polke), que são completamente diferentes, modernos e coloridos, fugindo dos vitrais tradicionais.

o que fazer em zurique

Grossmunster

4 – Fraumünster

Já do outro lado do Rio, há cinco minutos de distância da Grossmünster, está a Fraumünster, uma outra igreja famosa em Zurique. Apesar de ser de menor porte, é popular também pelos enormes vitrais de Augusto Giacometti e Marc Chagall, dois artistas renomados. Você vai babar quando ver as cinco janelas de Chagall, onde cada uma conta uma história relacionada ao cristianismo.

5 – Lindenhof

Sem dúvida um dos highlights da cidade. Para fotógrafos ou amantes de uma bela vista, Lindenhof com certeza é a melhor parada na parte histórica da cidade. Antigamente dava lugar a um castelo romano, que foi destruído, e hoje se tornou um parque. É um dos lugares mais importantes da cidade, por sua história, localização e paisagem. É o único parque dentro das muralhas da cidade.

o que fazer em zurique

Vista de Lidenhof

6 – St. Peter Kirche (Igreja De São Pedro)

Esta igreja está ao lado de Lindenhof e é popular por possuir o maior relógio de igrejas da Europa.

o que fazer em zurique

St. Peter Church

7- Rennweg

Rennweg foi a principal rua durante a idade média na cidade de Zurique.a Até hoje é uma das principais atrações do centro histórico, junto com Limmatquai.

o que fazer em zurique

Rua Rennweg

8- Zürich West – Kreis 5 Quarter

Deixando o centro histórico de lado, Zürich West é um bairro de Zurique que você não pode deixar de visitar. Um bairro que antigamente era popular por suas fábricas e indústrias e que pós revolução industrial passou a ser um bairro “trendy”. Manteve suas características, mas hoje é conhecido por sua gastronomia, arte, design, cultura, arquitetura e vida noturna.

o que fazer em zurique

o que fazer em zurique

Vou citar três atrativos do bairro que mais gostei, mas um dia caminhando por ali vai fazer você descobrir muito mais!

• O primeiro é a Flagship Store da Freitag, uma marca que se tornou muito famosa na Suíça por suas bolsas com materiais recicláveis. É uma loja construída em contêineres e você pode subir até o topo para uma vista incrível da cidade.

o que fazer em zurique

Loja Freitag

o que fazer em zurique

Vista de Zurique da Loja Freitag

• O Frau Gerolds Garten talvez tenha sido o meu preferido, um lugar com bares e mesas onde o pessoal se encontra num dia de sol para bater papo e jogar conversa fora.

o que fazer em zurique

Início do Parque Frau Gerolds

o que fazer em zurique

o que fazer em zurique

• O Viadukt é um viaduto e linha de trem, que hoje virou um shopping super diferente e moderno. Cada arco do viaduto possui uma loja diferente. Possui uma feirinha de comidas regionais e internacionais com restaurantes também.

o que fazer em zurique

Viadukt

Curiosidades de Zurique que valem anotar:

E aí, deu pra anotar algumas dicas sobre o que fazer em Zurique? Aproveito ainda para compartilhar com vocês aqui algumas curiosidades e informações desta incrível cidade:

Zurique está situada à 409 metros acima do nível do mar.

• A cidade tem apenas 92km quadrados e é dividida em 12 distritos municipais.

• O Lago Zurique possui 28 km de comprimento e 4km de largura e profundidade máxima de 143 metros.

• A temperatura média no verão é de 22 graus celcius e entre -2 e 3,5 durante o inverno.

• A cidade é a maior da Suíça, mas possui apenas 400 mil habitantes. Porém, incluindo toda a região do cantão de Zurique o número sobre para 1,5 milhão.

• A língua falada em Zurique é o Alemão Suíço um dialeto pouco diferente do Alemão tradicional.

• De 2001 à 2008 Zurique foi considerada a cidade com maiores padrões de qualidade de vida do mundo e de 2009 à 2013 ficou em Segundo de acordo com o ranking da Mercer’s Quality of Living Survey.

• 1.224 é o número exato de fontes de água que se encontra na cidade.

• A cidade possuí cerca de 400 hotéis dos mais simples até os mais luxuosos. Sendo que apesar dos standards da cidade, apenas 1,75% são hotéis cinco estrelas. (Ouvi dizer que os suíços não gostam de esnobar e ostentar a riqueza que tem).
• A sede da FIFA se encontra na cidade de Zurique e ainda é possível visitar o Fifa World Football Museum. Custa 24 CHF (Francos Suíços) para entrar. Para mais info, é só clicar aqui.

Como conseguir os melhores preços nos hotéis em Zurique?

Você também acha que encontrar o hotel perfeito em Zurique com um preço excelente pode ser questão de sorte? Nós também achávamos isso, mas depois que descobrimos uma maneira de procurar pelas melhores ofertas de hotéis, em qualquer época do ano, nossa vida de viajantes ficou muito mais fácil! A boa notícia é que não se trata de sorte, e sim de aprender COMO encontrar as melhores ofertas.

Primeira Dica: reserve o seu hotel com antecedência. O quanto antes, melhor (e por que não, agora mesmo? rs). Isso vai fazer com que seu leque de opções seja muito maior do que em alguns dias.

Segunda Dica: foque na melhor localização em Zurique. Procure hospedagens que fiquem próximas aos pontos que você quer visitar.  Isso vai te fazer economizar não só com transporte, mas também vai sobrar mais tempo para você curtir a sua viagem.

Última dica e mais importante: Encontre os melhores preços.  Para encontrar preços incríveis em hotéis na cidade, use esse Site de Buscas de hotéis na Europa. Você deve estar se perguntando, por que não outros pesquisadores de hotéis? A gente já testou diversos outros sites e chegamos na conclusão de que as melhores ofertas estão no Booking.com, que é o maior site de reservas de hotéis do mundo. A lógica é simples e comprovada: Se todos os melhores hotéis estão lá e se decidirem abaixar os preços, vão abaixar no lugar onde há mais reservas e pesquisas.

Nós só usamos o Booking.com e sempre conseguimos ótimas ofertas. Uma dica que vale anotar: procure pelas hospedagens com a “Oferta Esperta” do dia. Outra boa ideia é filtrar opções pelos bairros que você quer ficar e por avaliações de outros hóspedes, de “ Muito Boapara cima. O melhor de tudo é que a maioria dos hoteis oferecem Cancelamento Grátis! Ou seja, se você reservar agora (colocar call to action) e mudar de ideia depois, pode cancelar sem perder dinheiro.

Além disso, o Booking é super confiável e seguro (ninguém quer ter problema com hospedagens nas férias, depois de vários perrengues – agora a gente sabe bem!). Recentemente, o Booking ainda inclui opções de aluguel de apartamentos e casas. Isso é uma ótima novidade para quem viaja com família e grupos de amigos, o que dá ainda mais opções para conseguir bons preços para viagens com bastante gente. A gente sempre recomenda o Booking porque com certeza você não terá problemas e ainda vai conseguir as melhores ofertas por lá. Depois conta pra gente como foi!


Booking.com

Você sabia que é obrigatório fazer um seguro em viagens à Europa?

Se você estava pensando em viajar sem um seguro viagem para a Europa, saiba que isso pode se tornar um problema na hora da imigração. Então é bom anotar uma dica importantíssima para quem está planejando a viagem para lá: O Seguro Viagem para qualquer destino da Europa é obrigatório.

O motivo? É o Tratado de Schengen, que estabelece a livre circulação e obrigatoriedade do seguro viagem em 26 países europeus. Já que nos planejamos tanto para as férias, criamos expectativas, investimos dinheiro, não vale a pena arriscar qualquer contratempo que pode estragar tudo isso. Você pode conferir as histórias de nossos colunistas que contam o por que vale a pena contratar um seguro viagem.

Para encontrar boas ofertas em seguro viagem, nós recomendamos o site Seguros Promo. Ele compara os preços e coberturas das principais seguradoras do mundo, como SulAmerica, Assist Card, GTA, Affinity, entre outras. Por lá, você pode conferir as apólices que mais tem a ver com a sua viagem e contratar a que você achar melhor.

Como a gente gosta bastante dessa ferramenta, nós conseguimos um desconto de 5% no Seguros Promo para nossos leitores!  É só usar o cupom DICASDEVIAGEM5 no site, clicando aqui.

 Receba um chip em sua casa no Brasil e use Internet ilimitada em Zurique e por toda a Europa

Você também está cansado de só conseguir usar o seu celular em pontos que encontra Wi-Fi liberado durante a viagem? E ter que pagar por dia para poder usar um GPS no carro alugado na viagem?

A gente também não aguentava mais, ainda mais porque queríamos postar em tempo real fotos de nossa viagem nas redes sociais. Além disso, o Google é um grande aliado para encontrar o que precisamos durante as férias, como informações e lugares, e não dá para usá-lo só onde tem Wi-Fi. Então descobrimos uma das melhores soluções para acabar com este problema, que você não vai mais precisar gastar horas da viagem em lojas de telefonia do país, falando um idioma desconhecido para conseguir um chip. Essa é uma das dicas que adoramos dar para nossos leitores: a EasySim4You.

Anota aí: A empresa envia um Chip internacional em sua casa no Brasil. Quando estiver no avião, é só você trocar o seu chip brasileiro por este internacional. Você vai chegar em Zurique com Internet ilimitada, usando seu celular à vontade, como usa no Brasil. O melhor de tudo? É super barato conseguir este chip: os preços começam em U$ 35!

Chegando em Zurique, você pode usar o dia inteiro, em qualquer lugar da Europa. Você vai economizar com aluguel de GPS, com créditos de Skype, e ainda vai poder usar as redes sociais, o Google, ou pesquisar qualquer coisa na internet o dia todo. Além disso, ainda pode ligar para sua casa para mandar notícias da viagem quantas vezes quiser pelo WhatsApp ou Facetime.

Veja outras dicas de Zurique e da Suíça:

Os 10 melhores passeios na Suíça

Como viajar de trem pela Suíça

O que fazer na Suíça em 7 dias

Como é voar na Swiss Air ?

No vídeo abaixo um pouco de Zurique e do que vimos durante a viagem pela Suíça. Deixe suas duvidas nos comentários! 😉

Diego viajou a convite do Turismo da Suíça.