Nossa colunista residente na capital francesa selecionou 10 dicas de onde comer em Paris para todas as ocasiões e que cabem no seu bolso!

1. Hugo

Esse pequeno e autêntico bistrô francês encabeça essa lista por uma razão bem simples: é muito raro comer comida francesa boa à um preço acessível. Normalmente, os restaurantes franceses ou são caros e bons ou são acessíveis (com “fórmulas” – prato e entrada e/ou sobremesa) mas não muito bons. A verdade é que na maior parte das vezes para comer bem com preço justo deve-se recorrer à restaurantes internacionais (na maior parte das vezes italianos, há muitos muito bons por aqui). Por isso que eu gosto tanto do Hugo, ele apresenta uma relação custo-benefício preciosíssima. É por isso também que ele vive cheio e, como é pequeno, é altamente recomendável fazer reserva. Só não se atrase, pois os 15 minutos de tolerância de atraso não serão estendidos #cricri

onde comer em paris Foto: Barbara Tigre

Foto: The Fork – Divulgação

Anotaí

Endereço: 12 rue Papillon 75009 Paris
Tel: 01 40 22 01 91

Leia Mais:

Onde se hospedar em Paris: O guia completo bairro a bairro

Passeios alternativos em Paris: Conheça a beleza dos cemitérios parisienses

Vá além de Paris: Um fim de semana visitando castelos no Vale de Loire

5 melhores lugares para ver o pôr do sol em Paris

2. Presto Fresco

Atualmente é meu restaurante italiano preferido na cidade. Localizado bem no centro de Paris, na região de Chatêlet – Forum Les Halles, a poucos minutos do metrô e rodeado de outros restaurantes e bares. O Presto Fresco oferece uma comida digna do que encontramos em Bologna e Napoli: porções generosas, massa fresca e preço justo. Eu tenho um caso de amor com a pizza de trufas lá (na verdade com a massa com trufas também) porque além de deliciosa vem muita trufa, nada de porções miseráveis para inglês ver.

onde comer em paris Foto: Barbara Tigre

Anotaí

Endereço: 14 Rue Montmartre, 75001 Paris
Tel: 01 40 26 83 94

 

3. Bon

O Bon fica no tranquilo e residencial bairro 16ème, porém de fácil acesso à partir do transporte público. Com decoração original e contemporânea assinada por Phillipe Starck, esse restaurante é uma ótima opção para quem busca algo mais descolado e ao mesmo tempo, intimista. Cada um de seus ambientes apresenta uma temática: uma Biblioteca, uma sala “Vinoteca”, e uma sala com uma chaminé, além de um terraço e um espaço reservado aos fumantes. Com inspiração asiática, o Bon oferece fórmulas no almoço de 27 a 32 euros. Esse definitivamente é um restaurante que faz jus a seu nome! É uma ótima opção para quem busca algo um pouco mais sofisticado mas ainda num orçamento acessível.

onde comer em paris Foto: Barbara Tigre

Anotaí

Endereço: 25 Rue de la Pompe, 75116 Paris
Tel: 01 40 72 70 00

 

4. Ober Mamma

Considerado Trattoria e bar à coquetéis, o Ober Mamma chegou há poucos anos na cidade mas já conquistou o coração dos parisienses. Isso explica porque ele vive cheio mesmo depois de tanto tempo e da concorrência já ter “imitado” seu prato mais famoso. O Ober Mamma inventou nada menos que a melhor pizza doce do mundo: uma massa branca que chega à sua mesa acompanhada de um pote de 5 Kg de Nutella. Isso mesmo, você é o pizzaiolo da casa: sirva-se à vontade desse balde de nutella, você pode comer pizza com nutella ou no meu caso, nutella com pizza #ciaodieta É um escândalo de bom, como tudo mais que tem na casa. Um pequeno aviso: chegue cedo, pois as pessoas começam a fazer fila por volta das 18:30h e não tem reserva.

onde comer em paris Foto: Barbara Tigre

Foto: TripAdvisor

Anotaí

Endereço: 107 Boulevard Richard Lenoir, 75011 Paris
Tel: 01 58 30 62 78

5. Pedra Alta

Essa rede de restaurantes portugueses espalhados pela França e arredores é provavelmente o melhor custo-benefício de frutos do mar que você encontrará na cidade. Esse pratão da foto por exemplo, com lagosta, caranguejo, camarões, lula etc, custou em torno de 120 Euros e dá tranquilamente para 5 pessoas. Ele ainda vem acompanhado de feijão português, batatas e arroz. Os garçons falam português (o pá) e o clima é bem legal, animado, pá. É um verdadeiro restaurante português, que existe em Portugal e posteriormente expandiu para França! Confira o site.

onde comer em paris Foto: Barbara Tigre

Anotaí

Endereço: 25 Rue Marbeuf, 75008 Paris
Tel: 01 40 70 09 99

 

6. NOGLU

Na era do sem glúten e sem lactose, não poderia deixar de fora uma dica para os intolerantes e simpatizantes. O NOGLU (diminuição de No gluten) é uma criação francesa que deu tão certo que até abriu uma casa em Nova Iorque. Aqui em Paris já são três e pelo menos a que eu frequento na Rue de Grenelle, vive cheia. Os preços estão no padrão parisiense #fazeroque, mas a comida é realmente muito gostosa – ainda mais considerando que os pratos não tem glúten e alguns também não tem lactose. Imagina um hambúrguer vegetariano composto por batata doce, abobrinha, berinjela e cheddar. Cara é muito bom! A pizza também, numa massa sem glúten e sem lactose, com mussarela de búfala ou cheddar e legumes.. fica fácil fazer dieta assim. Ou nem tanto porque lá tem vários cookies, bolos e outras guloseimas! Vale lembrar que cada Noglu possui um horário diferente, então é legal dar uma olhada no site antes de se programar 🙂

onde comer em paris Foto: Barbara Tigre

Anotaí

Endereços:

69, rue de Grenelle, 75007 Paris
Tel: 01 58 90 18 12

16, passage des Panoramas, 75002 Paris
Tel: 01 40 26 41 24

38, rue de Saintonge, 75003 Paris
Tel: 01 42 71 15 34

 

7. Niebé

Um restaurante brasileiro com cara de restaurante francês arrumadinho e alma africana. É mais ou menos isso que a gente encontra no Niebé, no coração de Paris, Saint Germain de Près. Com chef brasileira, o cardápio do restaurante oferece nossos pratos típicos mas com influência africana e tudo muito bonitinho e arrumadinho estilo francês. Uma coisa legal e não muito comum aqui na França, é que no Niebé há também um cardápio vegano, sendo portanto acessível para uma maior clientela.

onde comer em paris Foto: Barbara Tigre

Chef Brasileira

Anotaí

Endereço: 16 Rue de la Grande Chaumière, 75006 Paris
Tel: 01 43 29 43 31

 

8. Mamma Shelter

O Brunch mais clássico de Paris fica num dos hotéis mais descolados da cidade, o Mamma Shelter, cuja decoração também é assinada pelo Phillippe Starck. A ideia é que lá o espaço não é prisioneiro do design, então você encontra um bar gigante no meio do restaurante, um terraço amplo e uma decoração pra lá de autêntica incluindo até uma mesa de totó hahahaha O brunch não é barato, custa por volta de 39 euros, mas é um buffet à vontade, então obviamente incorpora perfeitamente a lógica do brunch – um café da manhã/almoço. E a comida, tem de tudo: saladas, queijos, pratos quentes, salmão defgumado, ovos, frutas, iogurtes, tortas, pães, crepes, waffles, e muuuuitas outras coisas… tudo bem gostoso! #ParisGourmet

onde comer em paris Foto: Barbara Tigre

Anotaí

Endereço: 109 Rue de Bagnolet, 75020 Paris
Tel: +33 (0)1 43 48 45 45

 

9. Recyclerie

Situado na cara do metrô Port de Clingancourt no 18 arrondissement de Paris, o REcyclerie definitivamente ganhou seu lugar nessa lista por ser um lugar que eu nem sei descrever direito hahahah É um espaço onde você encontra, ao mesmo tempo, um café, um restaurante com vibe orgânica, horta orgânica e opções vegetarianas, um ateliê de mercearia, um espaço para encontros e atividades…e sabe-se lá mais o quê. Eu comi um ravioli de espinafre e ricota que parece ser ordinário mas estava uma delícia!

onde comer em paris Foto: Barbara Tigre

Anotaí

Endereço: 83 Boulevard Ornano, 75018 Paris
Tel: 01 42 57 58 49

 

10. Lapérouse

Considerado um dos restaurantes mais românticos de Paris, o Lapérouse é também um dos mais antigos: data de 1766. Deixei esse restaurante para o final porque ele é caro (para mim), mas que vale muito a pena numa ocasião especial. O ambiente é extremamente intimista e fino, em um “hotel particular” antigo de um funcionário do Rei. Situado na Île Saint-Louis de frente para o rio Sena, o Lapérouse se tornou ponto de encontro da elite literária francesa: foi requentado por Guy de Maupassant, Victor Hugo, Emile Zola e até Alexandre Dumas. Inclusive um dos salões é batizado em homenagem à Victor Hugo. O público selecionado não parou por aí: inúmeras figuras da política francesa se reúnem nesse restaurante em função de sua privacidade e discrição, bem como membros da família real britânica, como o duque de Windsor ou a princesa Margaret. Bref, a comida é muito boa, o serviço é impecável, o ambiente é classudo e o clima é romântico. Quer mais o quê?!

onde comer em paris Foto: Barbara Tigre

onde comer em paris Foto: Barbara Tigre

Salão Amours – Foto: Site Oficial

Anotaí

Endereço: 51 Quai des Grands Augustins, 75006 Paris
Tel +33 (0)1 43 26 68 04

Confira as melhores ofertas de hospedagens em Paris:



Booking.com

Você sabia que é obrigatório fazer um seguro em viagens à Europa?

Se você estava pensando em viajar sem um seguro viagem para a Europa, saiba que isso pode se tornar um problema na hora da imigração. Então é bom anotar uma dica importantíssima para quem está planejando a viagem para lá: O Seguro Viagem para qualquer destino da Europa é obrigatório.

O motivo? É o Tratado de Schengen, que estabelece a livre circulação e obrigatoriedade do seguro viagem em 26 países europeus. Já que nos planejamos tanto para as férias, criamos expectativas, investimos dinheiro, não vale a pena arriscar qualquer contratempo que pode estragar tudo isso. Você pode conferir as histórias de nossos colunistas que contam o por que vale a pena contratar um seguro viagem.

Para encontrar boas ofertas em seguro viagem, nós recomendamos o site Seguros Promo. Ele compara os preços e coberturas das principais seguradoras do mundo, como SulAmerica, Assist Card, GTA, Affinity, entre outras. Por lá, você pode conferir as apólices que mais tem a ver com a sua viagem e contratar a que você achar melhor.

Como a gente gosta bastante dessa ferramenta, nós conseguimos um desconto de 5% no Seguros Promo para nossos leitores!  É só usar o cupom DICASDEVIAGEM5 no site, clicando aqui.