Quer conhecer a Suíça mas não sabe por onde começar? O Mochilando te mostra o que fazer na Suíça! Quatro lugares que não podem ficar de fora da sua lista!

Por: Natali Ramos

Interleken

Leva esse nome por estar entre os lagos Thun e o lago Brien, que são lindíssimos. Além de ser uma cidadezinha mega charmosa, ela é um ótimo ponto de partida para diversos vilarejos alpinos encantadores e para o famoso passeio “Top of Europe”.

Leia Mais

O que fazer na Suíça em 7 dias 

Como viajar de trem pela Suíça 

O que fazer em Montreux – 10 passeios imperdíveis pela Riviera Suíça 

Recomendo tirarem um dia para conhecer essa cidade tão linda, andar pelo rio Aare (caminhada, passeio de bike e/ou um picnic), conhecer o centrinho, que é super fofo e tem uma praça super gostosa para passar o final da tarde, ou até mesmo voar de parapente, que é super famoso na região. E o principal, não deixem de conhecer o Harder Klum, um mirante que proporciona uma vista espetacular da cidade, mostrando perfeitamente os lagos Thun e Brien e o rio Aare junto com os alpes cheios de neve (depende da época do ano). A combinação é mais que perfeita!

O mirante conta com uma plataforma suspensa que é incrível, ótima para tirar aquela foto inesquecível! Uma pena é o fato dela ser muito concorrida e, infelizmente tive algumas participantes em minha foto. Além da vista de cair o queixo, existe um restaurante super charmosinho, com sorvetes, sucos e refeições (os preços são típicos da suíça). Para chegar no Harder Klum você terá que pegar um funicular que demora cerca de 10 minutos para chegar até a montanha, pagamos 20 CHF com Swiss Pass ( 50% de desconto).

Grindelwald

E mais um pedacinho do paraíso na terra, aquele tipo de cidade que te dá uma sensação de paz incrível. A principal atração da cidade é subir a montanha First, que é uma montanha com inúmeras atrações: tirolesa, trilhas, caminhadas, bike e uma passarela suspensa que tem uma vista espetacular para montanha Eiger. Para subir a montanha é necessário pegar uma gondôla, e, a partir daí você já começa ficar deslumbrado com a paisagem. Aliás, ficar “de queixo caído“ na Suíça é algo bem frequente.

Entre diversas opções, optamos por fazer a trilha para o lago Bachalpsee que é uma das mais famosas trilhas e também pelo fato de ter a menor duração, cerca de 50 minutos. Mas confesso que me arrependo muito de não ter feito a tirolesa (first flyers) que imagino ser surreal. A trilha é relativamente tranquila, acho que sofremos um pouco mais por conta do horário nada favorável, 12h, o sol estava muito forte.

Sem dúvida, fazer essa trilha foi uma das melhores experiências da minha vida, não sei explicar, foi algo tão mágico, tão perfeito, fiquei em êxtase. Ao longo do percurso tem diversos banquinhos, ótimo para dar uma descansadinha e contemplar tamanha beleza. Preço First: 29 CHF com Swiss Pass.

Lago Gelmer

Esse passeio é sensacional pela emoção dupla. Além de conhecer um lago de cor azul turquesa incrível, você irá andar no Gelmerbahn, o funicular mais inclinado da Europa ( 106% de inclinação em algumas partes), um combo que é imperdível. O lago fica na região de Grimselwelt, bem perto de Interlaken. Chegando no local para subir no funicular meu coração já deu uma leve, para não dizer uma “ bela”, acelerada.

Eu nunca tinha visto um funicular daquele jeito, parecia mais uma montanha russa, mas com um “plus” mais que especial, uma montanha russa no paraíso, porque a paisagem era surreal de tão perfeita ( eu sei que parece exagero, mas só quem já foi para Suíça vai entender que faltam adjetivos para qualificar esse país). Na hora de subir fiquei bem apreensiva, mas depois fui relaxando e curtindo a paisagem. Chegando no lago, fiquei deslumbrada, que lugar perfeito. Como fomos no final do inverno ainda tinha neve nas montanhas, deixando o cenário ainda mais lindo. Enfim, passeio imperdível, eu amei.

Lauterbrunnen – vale encantado

Essa vila é inacreditável, antes de conhece-la, eu já tinha visto inúmeras fotos, mas na hora que chegamos, eu fiquei impressionada com tanta beleza. Sabe quando tudo é tão perfeito que não parece real? Tive essa sensação com esse lugar.

Agora imaginem uma cachoeira no meio da cidade, Alpes do outro e casinhas perfeitas com as janelas cheias de flores, não é para morrer de amor? A vila é bem pequena, fizemos em meio período, mas para quem tiver mais tempo, acho recomendável ficar um dia inteiro para andar por esse lugar tão lindo. Exploramos a vila a pé e depois subimos na cachoeira Staubbach, que foi bem divertido e conta com uma vista privilegiada da cidade, então não deixem de fazer essa mini trilha.

Eai, ja sabe o que fazer na Suíça? Conta aqui pra gente seu roteiro e se você já conheceu esses lugares de perto !

Sobre a autora:

Instagram: @comertreinarviajar

Amigas viajantes com sede de destinos incríveis e gastronomia sublime, sem abandonar a busca por uma vida saudável. Viajando constantemente para os mais distantes e apaixonantes lugares do mundo. Malas cheias de experiências incríveis e memórias de mais de 25 países. Provando dos mais diferentes sabores pelo mundo e sendo arrebatadas pelas mais variadas delícias encontradas em cada cidadezinha. Buscando sempre novas rotas para seguir sem deixar para trás cada história vivida. Amantes do mundo e de tudo que ele tem para oferecer. Afinal, como não marcar uma viagem e no fim ter a vida marcada pra sempre? Por Natali Ramos.