Passando por diversos pontos do hemisfério norte brasileiro, com destaque para os Lençóis Maranhenses, o Delta do Parnaíba e Jericoacoara, a Rota das Emoções é uma opção de passeio incrível pelo Nordeste.

O nordeste brasileiro é maravilhoso, e isso não é segredo para ninguém. Viajar para lá é sempre um deleite na vida de qualquer um, e por isso selecionamos um roteiro incrível para facilitar sua próxima ida ao paraíso: a Rota das Emoções, que une Lençóis Maranhenses, Delta e Jeri na mesma viagem.

Você já ouviu falar dessa rota? Criada pelo Sebrae para incentivar o turismo nessa região do Brasil, é um circuito com quase 2 mil km de estrada (mas que pode até ter mais que isso), e passa por praias e paisagens lindas dos estados do Maranhão, Piauí e Ceará.

Ficou curioso para conhecer mais sobre a Rota das Emoções? Está planejando uma ida para uma das partes mais tropicais do Brasil? Então confira nossas dicas imperdíveis nesse post e comece já a planejar sua viagem.


Seguro viagem nacional vale muito a pena!
Eles te dão cobertura em diversos tipos de imprevistos e são bem baratinhos – use o cupom DICASDEVIAGEM5 e ganhe 5% de desconto!
Clique aqui para comprar!


Você vai ver nesse post:

Caso queria pular alguma parte, é só clicar nos links abaixo para ir direto ao tópico 😉

Foto de lagoa em destino visitado durante a Rota das Emoções, com dunas de areia e atmosfera de crepúsculo
Paisagens incríveis na Rota das Emoções – Foto: Flávio Antunes

Como é a Rota das Emoções

A Rotas das Emoções é um circuito que passa pelos principais pontos turísticos do litoral do Maranhão, Piauí e Ceará.

A duração do passeio todo e até mesmo a rota são super variáveis. Até mesmo o ponto de partida é maleável, sendo possível começar a viagem por São Luís, no Maranhão ou por Fortaleza, no Ceará.

Seja qual for a sua escolha, pode ter certeza que durante todo o caminho vai se deparar com cenários maravilhosos do nordeste brasileiro. A viagem é mais rústica, com muitos passeios em meio à natureza e até mesmo em áreas de acesso mais difícil (como é o caso dos Lençóis Maranhenses), mas vale muito a pena.

Os Lençóis Maranhenses em dia de céu azul com nuvens, com as dunas em volta de lagos de água clara
Um dos cenários que você vê pelo caminho na rota – Foto: Danielle Pereira via Flickr

Mapa da Rota das Emoções

Abaixo você confere mapas completinhos com os trechos da Rota das Emoções, para entender bem como funciona a viagem e quais são os principais destinos do roteiro.

Mapa ilustrativo da Rota das Emoções, com algumas cidades do percurso
Os principais destinos da rota entre Lençóis e Jeri – Foto: divulgação

Alugue o carro para sua viagem pelos melhores preços pelo RentCars – em até 12x sem juros, e sem IOF!


Quantos dias para fazer a Rota das Emoções

Você precisa de um mínimo de 12 dias para aproveitar bem a Rota das Emoções (o ideal é passar quatro dias em cada estado).

Porém, o tempo ideal para fazer o percurso é muito relativo – depende do quanto você quer gastar e dos dias que tem disponível para viajar. Como a rota é toda personalizável, você pode alterá-la de acordo com o seu gosto, ainda mais se escolher fazer tudo por conta própria.

O valor de uma viagem como fica em torno dos R$ 4 mil por pessoa, considerando hospedagem e alimentação com bom custo-benefício. Se você fechar um pacote completo com agência, os valores podem variar entre R$ 5 mil e R$ 8 mil, dependendo da quantidade de dias.

Melhor época para ir conhecer a Rota das Emoções

O melhor mês para fazer a Rota das Emoções é em agosto. Mas o percurso pode ser feito em qualquer período do ano. Para escolher qual é a época mais ideal para a sua viagem, considere os passeios que você quer fazer.

Para conhecer os Lençóis Maranhenses cheios de água e aproveitar ao máximo o local, faça a rota durante os meses de julho e agosto. As chuvas do primeiro semestre enchem os lagos, e a partir do meio do ano começam a dar trégua – o tempo perfeito para dias de sol e céu aberto.

Se você quer mesmo se jogar no kitesurf, o ideal é visitar a região na segunda metade do ano, se estendendo de agosto a dezembro – quando os ventos são mais forte e perfeitos para o esporte.

Se você quer ver aquele pôr do sol incrível, alinhado perfeitamente com o buraco da Pedra Furada, em Jericoacoara, precisa ir em agosto para prestigiar o momento. O fenômeno só acontece nesse mês!

Por onde começar a Rota das Emoções?

A Rota das Emoções vai dos Lençóis a Jeri, ou vice-versa. Você pode escolher por onde quer começar, mas para saber qual é a opção que mais vale a pena confira nossas dicas:

Sentido Maranhão – Jericoacoara

Começando pelo Maranhão, você vai viver a parte mais aventureira da viagem primeiro. Com início em São Luís, de cara a rota segue para os Lençóis Maranhenses, um dos grandes destaques do roteiro. Depois o trajeto segue pelo Delta do Parnaíba até Jericoacoara.

Sentido Jericoacoara – Maranhão

Ao iniciar pelo Ceará, seu ponto de partida será Fortaleza. Dali, a viagem começa mesmo em Jericoacoara, uma das partes mais tranquilas. Seguindo para o Piauí e depois o Maranhão, as atividades mais de aventura vão ficando para o final.

A única opção que não recomendo é começar pelo Delta do Parnaíba. Ele fica no meio do caminho, o que atrapalharia um pouco a logística de transporte entre Lençóis e Jeri.

Pelos Lençóis Maranhenses você começa pela parte mais aventureira da viagem – Foto: Flávio Antunes

Como chegar ao local da Rota no nordeste?

Se você mora longe do nordeste, é uma boa opção pegar um voo para chegar ao seu primeiro destino da Rota das Emoções. Você pode descer no aeroporto de São Luis, no Maranhão, ou em Fortaleza, Ceará.

Outra opção é ir de carro até lá – uma boa alternativa para quem já mora nessa região do país. Se você é do sudeste, sul, centro-oeste ou outros cantos do Brasil, é melhor optar pelo avião mesmo, pois a viagem de carro até lá ficaria longa demais (a não ser, é claro, que você goste muito de road trips).

Você também pode ir de ônibus até o Ceará ou Maranhão. Mas, de novo, dependendo do seu local de partida, vale a pena considerar se realmente é vantagem ir por terra. Você pode encontrar passagens aéreas com bons preços pelo Passagens Promo, por exemplo, que podem compensar mais no valor e na rapidez do trajeto.

>> Veja também como funciona o aluguel de carros em Fortaleza

Não é tão fácil chegar a lugares como este (Morro Branco no Delta do Parnaíba), mas vale muito a pena!


Voos nacionais em promoção é no Passagens Promo! Confira e compre com os melhores preços 😉


Roteiro da Rota das Emoções

Passando pelos Lençóis Maranhenses, Delta do Parnaíba e Jericoacoara, a Rota das Emoções é uma viagem super rica e com muito mais paradas além destas três. Na verdade, são inúmeras as combinações de roteiro possíveis, com diversos cantinhos surpreendentes para conhecer pelo caminho.

O Dicas de Viagem viajou a convite do Sebrae e fez a Rota começando em São Luis do Maranhão e terminando em Jeri, num período enxuto de 9 dias. Por isso, vamos destrinchar o roteiro no sentido Lençóis-Delta-Jeri neste guia.

Bora conferir esse roteiro incrível, cheio de belezas naturais:

Cidades visitadas na Rota das Emoções pelo sentido Maranhão – Ceará:

  • Maranhão: São Luís – Barreirinhas – Tutoia
  • Piauí: Ilha Grande (Lençóis Piauienses) – Delta do Parnaíba – Barra Grande
  • Ceará: Barroquinha – Camocim – Mangue Seco – Jericoacoara

Maranhão

Quem começa a Rota das Emoções pelo Maranhão tem seu ponto de partida em São Luís, a capital.

Ao chegar, uma boa ideia é explorar o Centro Histórico da cidade, que tem um acervo arquitetônico de mais de 4 mil prédios antigos decorados com azulejos portugueses.

Depois de conhecer São Luís, é hora de se deslocar a Barreirinhas, que é a porta de entrada para os Lençóis Maranhenses. É a melhor cidade para fazer base, por ser a que tem melhor estrutura.

Em Barreirinhas, aproveite para fazer um passeio de barco pelo Rio Preguiça e conhecer um pouco do trabalho das artesãs maranhenses, que fazem diversos itens com a fibra do buriti, uma árvore da região. É uma boa hora para comprar lembrancinhas, inclusive. 😉

Você também pode conhecer os Lençóis a partir de Atins ou Santo Amaro, porém são opções mais rústicas e simples.

Depois, siga para o pequeno município de Tutóia, na microrregião do Baixo Parnaíba. Essa cidade é um dos principais destinos de ecoturismo no Brasil, e onde você vai ver belezas naturais aos montes, como os Pequenos Lençóis.

Foto de casas com azulejos portugueses no centro histórico de São Luís do Maranhão
Centro histórico de São Luis do Maranhão – Foto: UnB via Flickr
Pôr do sol durante o passeio de barco pelo rio Preguiça, no Maranhão
Pôr do sol no rio Preguiça – Foto: Flávio Antunes
Paisagem de dunas, com esparsas palmeiras, e formação com água nos Pequenos Lençóis, em Tutóia
Paisagem dos Pequenos Lençóis, em Tutóia – Foto: Flávio Antunes

Hospedagens da Rota das Emoções no Maranhão

Nossas Indicações de hospedagem em São Luis:

Nossas indicações de hospedagem em Barreirinhas:

Nossas indicações de hospedagem em Tutoia:

Foto de quarto com varanda na Pousada do Rio
A Pousada do Rio é uma opção bem aconchegante – Foto: divulgação
Foto de piscina da Pousada Encantes do Nordeste
Que tal essa piscina na charmosa Encantes do Nordeste? – Foto: divulgação

Piauí

Após Tutoia, chegou a vez de conhecer as maravilhas do estado do Piauí.

A chegada ao estado é por Ilha Grande, onde você vai conhecer os Lençóis Piauienses e fazer o passeio para observar a revoada dos guarás – um passarinho curioso, super vermelho, que adquire essa cor de tanto comer caranguejos ricos em uma substância que confere essa coloração.

Depois, se desloque até a Parnaíba, onde uma noite de sono será bem-vinda. No outro dia, logo cedo, o passeio do Delta é o grande destaque, com visita a Lagoa do Portinho, passeio na Trilha das Emoções e pelo litoral de Luís Correia, com a Praia do Itaqui, Praia do Macapá, e visita à Árvore Penteada.

Finalizando o estado do Piauí, é hora de conhecer Barra Grande. É o destino preferido dos adeptos do kitesurfe. Aproveite também para explorar a cidade.

>> Conheça mais detalhes do passeio pelo Delta do Parnaíba

Foto de três pássaros Guará voando em meio à mata, na região do Delta do Parnaíba
Passeio da Revoada dos Guarás – Foto: Wikimedia
Foto aérea de praia de Luís Correia, no Piauí, um dos destinos da Rota das Emoções
Luís Correia (PI) têm praias incríveis – Foto: Pixabay
Foto de Barra Grande, parte do roteiro da Rota das Emoções
Barra Grande é um dos melhores lugares para os kitesurfistas – Foto: Otávio Nogueira via Flickr

Hospedagens da Rota das Emoções no Piauí

Nossas indicações de hospedagem em Parnaíba:

Nossas indicações de hospedagem em Barra Grande:

Quarto amplo para casal na Pousada Titãs, em Barra Grande
A Pousada Titãs é mais rústica, mas um charme que só – Foto: divulgação
Piscina e área externa no Hotel Manatí, que fica na beira da praia
E que tal esse refúgio à beira-mar que é o Hotel Manatí? – Foto: divulgação

Ceará

Chegando em território cearense, você vai passar por Barroquinha – onde está a Praia de Curimãs – e parar em Chaval. Mais tarde, o deslocamento se dá até Camocim, onde será a hospedagem da primeira noite no estado. Aproveite para fazer um tour pelas praias e lagos da cidade no dia seguinte.

Ainda em Camocim, não deixe de conhecer a Barra dos Remédios e a Lagoa Encantada. Depois já é hora de seguir para Jeri, ainda à tarde, com uma parada para conhecer o Mangue Seco antes.

Já em Jericoacoara, curta um pôr do sol divido na Duna, o melhor lugar do Ceará para assistir esse espetáculo da natureza. Se for em agosto, você pode contemplar o crepúsculo bem no meio do buraco da Pedra Furada, pois é quando o sol se alinha com a pedra.

E então, para fechar esse roteiro incrível da Rota das Emoções, conheça algumas das lagoas mais famosas do Ceará, como a Lagoa Azul, a Lagoa do Paraíso e o Buraco Azul, que tem fotos super populares no insta. Durma mais uma noite em Jeri, e finalize a viagem em Fortaleza no outro dia. 🙂

>> Leia mais sobre Jericoacoara

Praia no município de Camocim, no Ceará, em foto com vista para o cais
Vista do cais em Camocim (CE) – Foto: Wikimedia
A Duna do Pôr do Sol em Jeri, durante o crepúsculo
O pôr do sol na duna de mesmo nome, em Jeri, é inesquecível – Foto: Flávio Antunes
Foto de área com mesas, guarda-sóis e rede de descanso na Lagoa Azul, em Jeri, um dos destinos da Rota das Emoções
A Lagoa Azul, em Jeri – Foto: MTur Destinos via Flickr

Hospedagens da Rota das Emoções no Ceará

Nossas indicações de hospedagem em Camocim:

Nossas indicações de hospedagem em Jeri:

Quarto com decoração fina na pousada de charme Casa de São José
A confortável pousada de charme Casa de São José – Foto: divulgação
Parte externa em área comum com piscina da Pousada Village dos Sonhos
Pousada Village dos Sonhos com piscina – Foto: divulgação

Outros pontos turísticos para incluir no seu roteiro

A Rota das Emoções é super adaptável ao que você pretende conhecer na viagem. Assim, se não quiser seguir à risca o roteiro que sugerimos acima, você pode tirar alguns locais e acrescentar outros ao seu gosto.

As opções são inúmeras mas temos algumas sugestões para deixar seu roteiro ainda mais rico e completo. Se tiver mais tempo você pode incluir no seu roteiro a cidade de Atins, Caburé, Vassouras, Paulino Neves e Araioses no Maranhão, Cajueiro da Praia, Bitupitá e Jijoca no Ceará, e Preá no Piauí.

>> Saiba mais sobre Atins no nosso guia completo

Foto em área com dunas de areia fina e branca e lagos naturais no caminho entre Barreirinhas, Atins e Caburé, na Rota das Emoções
Parte do caminho entre Barreirinhas, Atins e Caburé – Foto: Fred Schinke via Flickr
Paisagem da Rota das Emoções, entre Barreirinha e Paulino Neves, com vegetação rasteira, água, garças, e dunas ao fundo
Paisagem entre Barreirinhas e Paulino Neves – Foto: Otávio Nogueira via Flickr
Foto de Cajueiro da Praia, cidade da Rota das Emoções no Ceará, com barcos na água e na areia
Cajueiro da Praia, no Ceará – Foto: Otávio Nogueira via Flickr

Vale a pena fazer a Rota das Emoções por conta própria?

Viajar para o norte do nordeste é sinônimo de conhecer cenários mais naturais e lugares mais rústicos. Por isso, tentar fazer a Rota das Emoções por conta própria pode ser muito difícil, e até impossível em alguns momentos.

Alguns passeios são em locais mais afastados e sem sinal de telefone nem internet. Partir com um carro alugado nessas condições não é a melhor ideia (você pode se perder e não conseguir chamar ajuda).

Por isso é muito recomendada a contratação de transfers para alguns lugares, ou fechar um pacote com agência para a rota completa.

Paisagem arenosa ao lado do rio Preguiça, no Delta do Parnaíba, parte da Rota das Emoções
Passar por áreas rústicas assim não é simples, então contrate guias e agências para ajudar no passeio – Foto: Danielle Pereira via Flickr

Agências para passeios pela Rota das Emoções

Listamos aqui as agências que nos acompanharam nessa viagem, pra te ajudar na hora de procurar alguém de confiança:

  • Sindegtur – City tour em São Luís do Maranhão
  • Vale dos Lençóis Ecoturismo – Passeio pelo Rio Preguiça
  • Caetés Expedições – Pôr do sol nos Lençóis
  • JJ TUR – Pequenos Lençóis e transporte para Tutóia
  • Baluarte Ecoturismo – Circuito das praias em Tutóia
  • Eco Adventure Tour – Transporte para Ilha Grande, recepção no Porto dos Tatus, Passeio no Delta e Revoada dos Guarás (junto com Natur Turismo), e Transporte para Parnaíba, Lagoa do Portinho, Trilha das Emoções e Árvore Penteada
  • Quadri & Aventuras – Passeio de quadriciclo
  • Pousada BGK – Experiência com kitesurf
  • Experimente Jeri e CoopJeri – Transporte para Barroquinha e Camocim
  • Passeio com Experimente Jeri e @camociminesquecível – Tour de praias e lagoas de Camocim
  • Cooperativa dos Bugueiros de Jeri e Experimente Jeri – Pedra Furada, Lagoa Azul e Lagoa do Paraíso
  • Tribus – Deslocamento para Trairi e Fortaleza
Carro com guias em trajeto de passeio da Rota das Emoções
Os guias auxiliam com as logísticas entre os passeios na rota – Foto: Flávio Antunes

Dicas para a Rota das Emoções

Para curtir ao máximo sua viagem à Rota das Emoções, temos algumas dicas:

  • Leve boné ou chapéu, óculos de sol e passe muito protetor solar. Como lá venta bastante, e você nem sente o sol queimar – e por isso o cuidado deve ser redobrado
  • Cuide do meio ambiente. Grande parte dos lugares visitados na Rota das Emoções são áreas de proteção ambiental, e é nosso dever, como visitantes, sermos educados e ajudar a preservar a natureza
  • Seguindo a dica anterior, preste atenção no lixo que você produz, e não se esqueça de dar o descarte correto para eles. Lugar de lixo é no lixo 🙂
  • Ceará, Piauí e Maranhão são estados bem quentes, então vale a pena deixar sua mala mais leve e carregar só roupas fresquinhas
  • Nem se preocupe com trajes mais finos. Na Rota das Emoções os ambientes são bem rústicos e naturais, e até para jantar à noite as pessoas saem bem tranquilas. Faça como eles!

Alguns planos médicos não dão cobertura em outros estados, e por isso é uma boa ideia contratar um seguro viagem nacional. Evite contratempos, contrate o seu agora mesmo pela Seguros Promo.


Roteiro Rota das Emoções resumido

Quer um resumo rápido do nosso roteiro pela Rota das Emoções? Então confere aí:

  • 1º dia: chegada em São Luís (MA), passeio pelo centro histórico e pernoite
  • 2º dia: transfer para Barreirinhas – passeio em Rosário, Rio Preguiça, Vale dos Lençóis e pernoite
  • 3º dia: nascer do sol nos Lençóis Maranhenses, passeio em circuito de praias e Pequenos Lençóis, com deslocamento para Tutoia e pernoite
  • 4º dia: logo cedo, ida para Ilha Grande, no Piauí, com passeio no Delta, revoada dos guarás e pernoite na Parnaíba
  • 5º dia: ida para Lagoa do Portinho, passeio de quadriciclo na Trilha das Emoções, visita a Praia do Itaqui, Árvore Penteada, Praia do Macapá e pernoite em Barra Grande
  • 6º dia: Barra Grande pela manhã, Barroquinha (Praia de Curimãs) e Chaval pela tarde, até o deslocamento para Camocim (CE), com pernoite
  • 7º dia: tour em Barra dos Remédios, Lagoa Encantada, Mangue Seco e ida para Jericoacoara à tarde, com pernoite
  • 8º dia: visita à Pedra Furada, Lagoa Azul, Lagoa do Paraíso (Jijoca) e pernoite em Jeri
  • 9º dia: visita a Trairi pela manhã e ida para Fortaleza à tarde, ponto final da Rota das Emoções
Dunas e mais dunas de areia, a perder de vista no horizonte, em parte da Rota das Emoções
A Rota das Emoções é um dos passeios mais incríveis pelo nordeste – Foto: Flávio Antunes

O que você PRECISA saber ANTES de ir para a Rota das Emoções

Está cheio de coisas para pensar e ainda tem que planejar a viagem inteira? Ou você já viu tudo, mas está com aquela conhecida sensação “será que esqueci alguma coisa?” Então calma, nós te ajudamos com alguns itens que você não pode esquecer antes de partir para a Rota das Emoções. Vamos lá? 

1) Já comprou sua passagem aérea? 

Onde Comprar: PASSAGENS PROMO

Procurando uma boa oferta e preços de voos? Na hora de comprar passagens para o nordeste, vale dar uma olhadinha no site Passagens Promo. É bem comum encontrar opções de voo mais em conta e melhores que de outros sites. Nós sempre usamos e vale a pena 😉

2) Seguro Viagem é INDISPENSÁVEL 

Onde Comprar: SEGUROS PROMO

O Seguro Viagem Nacional é altamente recomendado. A maioria dos convênios médicos oferece somente cobertura regional, e o Seguro Viagem cobre prejuízos de vários tipos, não só relacionados à saúde. É um investimento baratinho que pode te livrar de grandes problemas.

Para encontrar um bom seguro viagem, compare preços e coberturas no Seguros Promo.

#FicaADica: Economize 10% em seu seguro viagem. Use o cupom DICASDEVIAGEM5 para ganhar 5% de desconto e pague no boleto para garantir 5% OFF adicional. 

3) Já marcou sua hospedagem?

Onde Comprar: BOOKING.COM

Se você ainda não marcou sua hospedagem, a dica é comparar hotéis, hostels e pousadas através do Booking.com. Essa é a maior plataforma de reservas de hotéis do mundo, garantindo uma experiência segura e ótimas ofertas em acomodações.

#FicaADica: Fique de olho nas ‘Ofertas Espertas’, que duram apenas um dia. Alguns hotéis incríveis oferecem ótimos desconto usando este selo na plataforma. Se encontrar um bom negócio, vale fechar 🙂 

4) Alugue carros com os melhores preços

Onde Alugar: RENT CARS

Gostamos muito da RentCars para encontrar os carros que usamos em nossas viagens. Ela é o maior comparador de aluguel de carro da América Latina, e a única no Brasil que compara os melhores preços em mais de 100 locadoras de veículos. Além disso, você pode pagar em até 12x sem juros. Vale a pena.

#FicaADica: Tente encontrar carros com a cobertura completa de seguro para o carro e terceiros. Assim, você evita surpresas inoportunas na hora de retirar o carro.

Vale ficar atento às ofertas da RentCars, pois sempre aparecem promoções de proteção de terceiros ou upgrades de categoria.

Leia também