A mais de 600 km da capital, Pamukkale é um dos lugares mais turísticos do país. Porém, a dúvida fica na maioria dos viajantes: por ser tão longe, vale a pena visita?

Já vou te responde logo de cara – Vale SIM! Seu nome em turco não poderia ser diferente, Pamuk – Algodão e Kale – Castelo: “Castelo de Algodāo”. O nome já diz tudo: esse fenômeno da natureza parece mesmo algodão, a formação calcária dá a aparência surreal destas montanhas com mais de 200 metros de altura. Seus terraços com águas termais azuis dão todo o charme a beleza desse lugar. A visitação no ambiente das piscinas só pode ser feita sem sapatos pensando na preservação do local. Não é a toa que em 1988 Pamukkale foi declarado Patrimônio Mundial pela UNESCO.

É possível entrar e nadar em algumas das piscinas, mas saiba que o lugar é muito turístico e fica lotado de gente. As piscinas mais afastadas ficam mais tranquilas.

Hierápolis e a Piscina Sagrada

No mesmo complexo, também se encontra Hierápolis, que foi construído durante o Império Romano ao redor de Pamukkale. Foi construída no século II A.C e significava “Cidade Sagrada”, pois as águas da região eram consideradas medicinais e de rejuvenescimento.

A cidade de Hierápolis foi atingida por vários terremotos e hoje é possível visitar suas ruínas. A entrada já está inclusa no valor no ticket de Pamukkale.

pamukkale

Piscinas Naturais em Pamukkale

Chegando nas piscinas, ande um pouco mais e saia da muvuca. Você vai encontrar essa paisagem – Foto: Flávio Antunes

Muito perto de Pamukkale, é possível visitar também a Antique Pool, conhecida como Piscina Sagrada ou Piscina de Cleópatra. Dizem que a piscina foi construída a pedido da rainha egípcia, mas ninguém sabe ao certo se é verdade.

A terma possui temperaturas de aproximadamente 35 graus, onde é possível nadar com lindas palmeiras e colunas de mármore ao fundo da piscina. Para nadar na Antique Pool é preciso pagar um valor adicional (32 liras turcas – 38 reais), além disso o centro turístico oferece banheiros e armários. Também é possível apenas visitar a piscina e relaxar nas mesas dos restaurantes.

pamukkale

Como ir para Pamukkale

Existem diversos tours saindo de Istambul, Capadócia e outras cidades. Eu fui de Antália, uma cidade no Sul da Turquia a 245 Km de Pamukkale.

Os tours geralmente duram o dia todo, pois Pamukkale fica no centro da Turquia e é longe de quase tudo.

pamukkale

Tour para Pamukkale

Geralmente buscam no hotel as 6h da manha para retornar no inicio da noite. Sugiro pesquisar muito bem a empresa antes de escolher. Muitos tours acabam parando em lugares, como lojas ou outras termas, para ganhar comissão. Questione antes qual o itinerário exato da excursão e quantas horas ficará no complexo de Pamukkale. (Sugiro no mínimo 3h para conhecer tudo, incluindo nadar na Piscina Sagrada).

De Ônibus para Pamukkale

Você pode optar por ir de forma independente. É necessário ir até a cidade Denizli, que fica a 19 km de Pamukkale.

Caso esteja em Istambul ou Capadócia por exemplo, pegue um ônibus noturno que leva em torno de 10h. Chegando em Denizli, pegue mini bus ou taxi até Pamukkale (aproximadamente 15 minutos).

De Trem para Pamukalle

Caso esteja vindo de Izmir, Selcuk ou Camlik é possível pegar trem para a estação de Denizli. Se estiver em Kusadasi, vá de ônibus até a estação Camlik (14 km) e de lá acesse o trem para Denizli.

De Avião

O aeroporto de Denizli fica a 45 minutos da cidade.

Onde ficar em Pamukkale

Eu fiz o day tour, então fui e voltei no mesmo dia, mas é possível se hospedar tanto na cidade próxima (Denizli) ou mesmo em Pamukkale. Existem diversos tipos de acomodação de 1 a 5 estrelas, e alguns hotéis mais luxuosos possuem sua própria piscina termal. Nada mal hein?

Encontre aqui no Booking hotéis em Promoção em Pamukkale



Booking.com

Quanto custa ?

O ingresso de Pamukkale e Hierápolis custa aproximadamente 25 liras turcas – 30 reais e pode ser adquirido na entrada do complexo. Não se esqueça que para nadar na Antique Pool paga-se a parte (30 liras turcas).

#Dica: Sugiro não comprar o ticket da Piscina com antecedência, espere pra ver se gosta e se vale a pena. Mesmo que você não queira entrar é possível ver a piscina de fora.

Vale a pena ir para Pamukkale ?

Recomendo caso tenha tempo livre de viagem na Turquia, pois será um dia inteiro dedicado. Outro ponto importante é a época de visitação. Eu fui em Maio e já estava bem cheio! Imagina só na alta temporada, entre Junho e Agosto? Também não vi tantas pessoas nadando, talvez no verão seja mais comum.

Gostou das nossas dicas? Conte aqui pra gente e qualquer dúvida, é só deixar nos comentários…

 


Por que vale contratar um seguro viagem para Turquia?

Você não quer arriscar qualquer contratempo que possa estragar todo o planejamento de uma viagem! Você pode conferir as histórias de nossos colunistas que contam o por que vale a pena contratar um seguro viagem. De qualquer modo, o ideal em um Seguro Viagem é DIMINUIR RISCOS que podem acontecer em uma viagem. Os “extras” você pode escolher de acordo com a oferta da seguradora: que pode cobrir até extravios de bagagem, furtos e roubos e até mesmo a viagem de uma família em caso de emergência.

Para encontrar boas ofertas em seguro viagem, nós recomendamos o site Seguros Promo – clique aqui. Ele compara os preços e coberturas das principais seguradoras do mundo, como SulAmerica, Assist Card, GTA, Affinity, entre outras. Por lá, você pode conferir as apólices que mais tem a ver com a sua viagem e contratar a que você achar melhor.

Como a gente gosta bastante dessa ferramenta, nós conseguimos um desconto de 5% no Seguros Promo para nossos leitores! É só usar o cupom DICASDEVIAGEM5 no site, clicando aqui.

Veja mais:

Viajando pela Turquia: ônibus ou avião?‏

Por que vale a pena incluir Bodrum em sua viagem para a Turquia

O que fazer em Bursa Turquia

Qual o valor do seguro viagem para a Europa

Qual o melhor seguro viagem para Europa?