Está com as passagens compradas e as malas prontas, mas ainda não sabe o que fazer em Bogotá? Descubra aqui as melhores dicas para aproveitar a capital colombiana – com atrações e roteiros para quem fica de 1 a 3 dias. 

A capital colombiana é um destino surpreendente, e o que não faltam são opções de o que fazer em Bogotá. Uma cidade viva, com muitas histórias e boas atrações turísticas, culturais e gastronômicas.

Bogotá é a maior cidade da Colômbia e fica localizada praticamente no centro do país. Porém, mesmo com essas qualidades, nem sempre quem viaja à Colômbia tem Bogotá como seu destino principal. Muitas vezes os visitantes estão só de passagem, entre uma escala e outra. Mas uma coisa é certa: vale muito a pena incluí-la no seu roteiro de viagem.

Também é importante saber que Bogotá é a terceira capital mais alta do mundo, a cerca de 2.640 m acima do nível do mar. Esteja preparado, pois essa altitude pode causar um leve desconforto, como dor de cabeça e tontura nos primeiros dias. Depois passa.

Agora, vamos às dicas sobre o que fazer em Bogotá?

#ParaNãoEsquecer: Já comprou seu seguro viagem?
Adquira seu plano com desconto usando o cupom DICASDEVIAGEM5 (5% off).
Clique aqui e aproveite!

Prédios em parte da capital colombiana, ilustrando post de o que fazer em Bogotá
Bogotá é uma capital incrível, cheia de história e com áreas urbanizadas – Fotos: Pixabay

O que fazer em Bogotá

O que fazer em Bogotá em 1 dia

Com pouco tempo na cidade, o ideal é focar seu passeio pelo centro histórico, no bairro de La Candelaria. 

Bairro de La Candelaria

Percorrer as ruas do centro histórico é um dos melhores passeios para quem tem pouco tempo na cidade. Bogotá é um verdadeiro museu a céu aberto e, portanto, vale aproveitar para caminhar por lá.

Um bom ponto de partida é andar até a Plaza Bolívar, onde você encontra não só a Catedral de Bogotá, como outros importantes prédios da cidade.

Uma boa forma de caminhar pela cidade e ainda aprender sobre o destino é fazer um Free Walking Tour. Geralmente esse tipo de passeio não dura mais do que três horas, e te oferece um bom panorama do destino. A Beyond Colombia oferece tours todos os dias. 

Free Walking Tour é uma caminhada em grupo e guiada pela ruas da cidade. É uma ótima oportunidade de conhecer a história e curiosidades do local. O tour é gratuito, mas no final é comum os participantes contribuírem com um valor, que vai de acordo com o quanto achou que valeu o passeio. 

Um lugar que não pode deixar de passar é Chorro de Quevedo. Uma pequena e simples praça que está cercada de lojas, cafés e comércio. Caminhe pelas pequenas ruas coloridas e confira muitos grafites, um mais interessante que o outro.

Rua estreita de paralelepípedos e casinhas coloridas no bairro La Candelária
As cores vibrantes de La Candelaria, um bairro para conhecer a pé – Foto: Unsplash

Museu Botero

Mesmo com apenas um dia, tente visitar algum dos inúmeros museus na cidade. A é uma difícil escolha, mais a sugestão é ir a um dos considerados principais: o Museo Botero é um dos mais essenciais.

Além disso, ele também é uma ótima escolha para quem tem pouco tempo e quer um pouco de descontração, mas com um toque mais típico do país que visita. 

Além da exposição das obras do pintor e escultor colombiano Fernando Botero, há também obras de renomados artistas como Picasso, Renoir, Monet, entre outros. 

Funciona de segunda a sábado, das 9h às 19h (fechado às terças). Domingo das 10h às 17h. A entrada é gratuita.

Quer ter internet ilimitada durante toda a viagem?
Compre o seu chip de viagem internacional antecipadamente e já chegue em Bogotá usando a internet com o America Chip.

Casa de la Moneda

Se ainda estiver com tempo, aproveite para conhecer o Museu Casa de Moneda, localizado no mesmo quarteirão do museu acima. Lá, você pode conhecer um pouco da história da moeda colombiana, desde as primeiras produções até os dias de hoje.

Funciona de segunda a sábado, das 9h às 19h (fechado às terças). Domingo das 10h às 17h. A entrada também é gratuita.

Quadros expostos em sala espaçosa de paredes azuis claras no Museu Botero
Obras expostas no Museo Botero, um dos principais da cidade – Foto: Reg Natarajan via Flickr

Cerro Monserrate

O Cerro Monserrate é o ponto mais alto da cidade. O topo da montanha fica a 3.125 metros acima do nível do mar. Se estiver com tempo – e se o clima estiver contribuindo com céu azul e limpo – não deixe de subir. A vista lá de cima é a melhor que vai encontrar em Bogotá. 

Dá para subir e descer com teleférico, funicular (trem) ou caminhando. Lá no alto, além dos mirantes, você encontrará a Igreja de Monserrate, restaurantes, cafés e lojinhas de artesanato.

É possível subir ao Cerro em qualquer dia do ano. Só fique atento aos horários de abertura e fechamento para não perder a viagem. É comum ocorrer alterações, seja por algum feriado ou até mesmo por conta das manutenções periódicas das vias. 

Sugestão de onde comer:

O Capital Cocina y Café é um lugar com alta probabilidade de te conquistar. Serve gastronomia típica da América do Sul em um ambiente acolhedor e intimista. Abre para almoço e jantar de terça a sexta das 12h às 15 e 19 às 22h, respectivamente; aos sábados funciona das 17h às 22h, e não abre aos domingos e segundas.

Fica na Calle 10, nº 2-99 – esquina com a Calle Santa Librada.

Sugestão de onde tomar um café:

Se você é daqueles que adora um café bom e forte, prove o Juan Valdez. Não é considerado o melhor café da Colômbia, mas é o que mais se aproxima do nosso cafezinho brasileiro. A rede de café Juan Valdez é a Starbucks colombiana, só que melhor. 😉

Se prefere um café tipicamente colombiano, próximo ao Museu Botero fica o Café Ibáñez (Calle 10, nº3-61). Não são uma rede como Juan Valdez e há baristas premiados que trabalham neste café.

Encontre passagens baratas para a Colômbia!
Descontos de até 35% em voos para Bogotá e outros destinos todos os dias na Passagens Promo.

Vista a partir do Monserrate para a grande cidade de Bogotá abaixo
A vista da imensidão de Bogotá a partir do Monserrate – Foto: Unsplash

O que fazer em Bogotá em 2 dias

Com mais um dia no roteiro dá para aproveitar um pouco mais da cidade e conhecer outros bairros de Bogotá

Museu do Ouro

O Museo del Oro é um museu super interessante, localizado no centro histórico. Tem um acervo de peças muito rico e belo, que contam um pouco da história vivida pelos índios pré-hispânicos.

Esse é um lugar em que vale a pena dedicar uma tarde ou manhã da viagem. Aqui você vai encontrar, além das peças em ouro, muitas em cerâmica, tecidos e outros materiais. Uma boa dica é comprar os ingressos com antecedência para evitar filas.

Funciona de terça a sábado das 9h às 18h (fechado às segundas). Domingo das 10h às 16h. A entrada custa 4 mil pesos colombianos (cerca de R$ 5) de terça a sábado, e é gratuita aos domingos.

Fachada do Museu del Oro, um dos principais entre opções de o que fazer em Bogotá
A entrada do Museo del Oro – Foto: Banco de la República via Flickr

Zona Rosa e  Zona-T

Explorar o bairro da Zona Rosa está entre as principais atividades de o que fazer em Bogotá, principalmente se você gosta de caminhar por bairros modernos e limpos. Por lá há shopping e diversas lojas de marcas internacionais para fazer algumas compras.  

Aproveite a caminhada pelo bairro e conheça a Zona T, o encontro de duas ruas exclusivas para pedestres e que formam a letra T (Carrera 12a com a Calle 83). Aqui há uma enorme variedade de bares e restaurantes, sendo um ótimo lugar para fazer um descanso das compras, além de ser uma boa sugestão de onde caminhar para terminar o dia. 

Dica de onde comer: Vale a pena ir no Andrés D.C. (da rede Andrés Carne de Rés) não só pelo comida, mas também pelo ambiente e decoração. É diferente de qualquer outro restaurante que já fui. São quatro andares tematizados de forma diferentes (inferno, terra, purgatório e céu), mas que não deixam de estarem interligados pela temática um tanto quanto divina.

Dica de onde tomar um café:

No centro histórico, aproveite a visita no Museo del Oro e tome um café no Café San Alberto, o café mais premiado da Colômbia. Na Zona Rosa, o Notas de Cafe (Cra. 14, nº 78 – 52) serve cafés colombianos em um ambiente descontraído e confortável. 

Saiba quais são os principais passeios em Bogotá e garanta já seu ingresso pela GetYouGuide.

O que fazer em Bogotá em 3 dias

Zipaquirá e a Catedral de Sal 

É na cidade de Zipaquirá, a pouco mais de 50 km do centro histórico da capital da Colômbia, que fica a Catedral de Sal. Uma igreja subterrânea, a 180 m de profundidade, que foi nomeada em 2007 como a Primeira Maravilha da Colômbia.

A Catedral fica localizada dentro do Parque de la Sal. São 25 minutos de caminhada desde a estação de trem de Zipaquirá até o parque. Dá para fazer o tour com guia e agências privadas (clique para ver as opções) desde Bogotá ou ir por conta conta própria. 

Além da igreja, aproveite a visita ao parque para fazer outras atividades bem legais como trilhas, parede de escalada, tirolesa, a rota dos mineiros e conhecer o Museo de la Salmora – que conta a história dos mineradores e da mina de sal. Na Praça dos Mineradores há restaurantes, café e lojas.  

Depois ou antes do Parque de la Sal, conhecer Zipaquirá é um passeio que vale a pena para ver um pouco mais da pequena e encantadora cidade. 

Funciona todos os dias das 9h às 17h40. A entrada custa 51,300 pesos colombianos – cerca de R$ 65, que inclui um filme em 3D, áudio guia e caminhada pelas Huellas de Sal – o tour da Catedral de Sal.

Dica de onde comer:

Além dos restaurantes do próprio parque, sugiro dois lugares na cidade de Zipaquirá, o Brasas de Llano e o Restaurante La Cascada. 

Dica de onde tomar um café:

Não há tantas opções como em Bogotá, mas dá para fazer uma parada no Juan Valdez ou no Coffee Delicias, que além de café oferece doces e sobremesas.

Imagens esculpidas dentro da Catedral de Sal em Zipaquirá, uma opção de passeio de o que fazer em Bogotá nas proximidades da cidade
Imagens que compõem o ambiente da Catedral de Sal – Foto: A. Duarte via Flickr

Onde ficar em Bogotá 

Escolher um bom lugar onde se hospedar sem conhecer o destino pode ser uma das etapas mais complicadas de uma viagem. É um item que pode definir o sucesso das suas férias, não é mesmo? É por isso que guias de viagem como esses são tão importantes, para te ajudar na decisão com algumas dicas. 

Selecionamos aqui duas sugestões de lugares para se hospedar em Bogotá, ambos sendo ótimas alternativas para a estadia.

Quer encontrar boas ofertas de hotéis em Bogotá?
Veja os descontos que estão rolando apenas HOJE no Booking.com

Hotéis em Bogotá

  • Hotel Casa Deco: fica localizado no centro da cidade histórico. Os quartos – duplos ou triplos, são amplos, possuem minibar, cofre e banheiros privativos. Aproveite o serviço de restaurante e bar do hotel e transfer do aeroporto oferecidos pelo hotel – valor não incluso na diária. O acesso ao Wi-Fi é gratuito e a recepção funciona 24h.
Quarto com cama ampla e decoração harmoniosa no Hotel Casa Deco
Quarto espaçoso e convidativo no Hotel Casa Deco – Foto: divulgação
  • CX Hostel: fica localizado no bairro Chapinero – entre o Centro Histórico e a Zona Rosa, é uma opção de hospedagem econômica. Além dos quartos compartilhados eles possuem quartos duplo e família (até quatro pessoas). O Wi-Fi é gratuito e a recepção funciona 24h.
O bairro Chapinero Alto com vista para Bogotá em dia nublado
Vista de Bogotá do bairro Chapinero Alto – Foto: Edgar Zuniga Jr. via Flickr

Quanto antes reservar seu hotel em Bogotá, melhor!  As hospedagens são concorridas. Faça a sua reserva pelo Booking.com.

Gostou das dicas sobre o que fazer em Bogotá? Comente aqui!